Publicidade
Manaus
ACIDENTE

Carga de contêiner tomba sobre ônibus com passageiros na av. Umberto Calderaro

Quatro pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas a hospitais da cidade. Caminhão teria realizado curva em complexo quando carga tombou. Via foi bloqueada na manhã desta quarta (26) 26/10/2016 às 09:46 - Atualizado em 26/10/2016 às 15:37
Oswaldo Neto e Silane Souza Manaus (AM)

Um contêiner carregado de compensados de madeira tombou a carga em cima de um ônibus na manhã desta quarta-feira (26) na avenida Umberto Calderaro, bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul de Manaus. Quatro pessoas ficaram feridas. Assim como no ano passado, quando uma carreta tombou no mesmo local, a via foi bloqueada.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o caminhão teria realizado uma curva na parte superior do complexo viário quando a carga tombou e atingiu um ônibus, que percorria o trajeto no sentido Centro-bairro da avenida. De acordo com os bombeiros, o caminhão pertence à Cristal Transportes.


Carga de caminhão tombou sobre ônibus (Foto: Márcio Maia/Divulgação)

Quatro viaturas dos bombeiros foram deslocadas para o local. Informações dão conta de que pessoas que estavam no interior do coletivo quebraram os vidros para sair do veículo. Quatro pessoas ficaram feridas: Maria Auxiliadora Rodrigues de Souza, 63, Jucileide de Souza Santos, 64, Júlio Ferreira Barros Neto, 22, e Isabelle Lima Martins, 2. Todas as vítimas estavam no interior do ônibus. Elas foram encaminhadas para hospitais da cidade. O motorista do caminhão evadiu-se do local. 

O dono da carga, Anderson Veloso, informou que vai dar assistência às vítimas. Ele presta auxílio na retirada do material da avenida. 

Devido ao acidente, o Manaustrans interditou a avenida André Araujo com Umberto Calderaro, travessa Stênio Neves e o acesso lateral da Umberto Calderaro com a avenida Efiigênio Sales. De acordo com o chefe de divisão do Manaustrans, Araújo Júnior, as avenidas ficarão interditadas até o final do procedimento de perícia no local do acidente.

A Polícia Militar, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) estão no local.

Outro acidente

No dia 21 de maio do ano passado, uma carreta com contêiner acoplado capotou e caiu no mesmo local. Na ocasião, o motorista do veículo foi levado a um hospital com escoriações pelo corpo. Duas faixas da avenida foram retidas e o trânsito ficou congestionado por várias horas. 

*Mais informações em instantes

Publicidade
Publicidade