Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019
Manaus

Casal é preso com 50 quilos de drogas no Aeroporto de Manaus

Uma mulher identificada como ‘Márcia’ e o homem identificado apenas como ‘Itamar’ estavam em um voo que partiu de São Paulo e desembarcou Manaus, onde o entorpecente seria comercializado



1.jpg ‘Márcia’ e ‘Itamar’ foram encaminhados e autuados em flagrante no 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP)
05/05/2013 às 15:16

Um casal foi preso ao desembarcar no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, situado na avenida Santos Dumont, no bairro do Tarumã, Zona Oeste de Manaus, na madrugada deste domingo (5), por volta de 2h. Eles foram presos transportando aproximadamente 50 quilos de maconha prensada. A prisão foi realizada pelos investigadores da Delegacia Especializada em Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE).

Uma mulher identificada como ‘Márcia’ e o homem identificado apenas como ‘Itamar’ estavam em um voo de São Paulo para Manaus, onde o entorpecente seria comercializado.

A prisão aconteceu após os investigadores da Especializada receberem uma denúncia anônima, que relatou a chegada da droga na cidade e as características dos suspeitos.

‘Márcia’ e ‘Itamar’ foram encaminhados e autuados em flagrante no 9º Distrito Integrado de Polícia (DIP), localizado na rua Urariá, no bairro São José I, na Zona Leste de Manaus. O casal será apresentado à imprensa na manhã desta segunda-feira (6).

Casos

Nos últimos dois meses a polícia aprendeu 165 quilos de drogas com suspeitos que chegaram com os entorpecentes no Aeroporto Eduardo Gomes, em Manaus.

Além do casal com os 50 quilos deste domingo, no último dia 15 de abril, Frank Miranda da Encarnação, 23, foi preso com cerca de 25 kg de maconha prensada, distribuída em 12 tabletes em uma mala. Ele foi preso após desembarcar em um voo vindo de Goiânia.

Frank é irmão de Davi Miranda da Encarnação, que também foi no dia 12 de abril deste ano, portando 60 quilos de maconha prensada juntamente com Maiara Pereira Mitoso, 19. De acordo com a polícia, o casal chegou à cidade em dois voos diferentes, um que veio de Goiânia e o outro do Mato Grosso. 

Maria do Carmo Noronha de Souza, de 20 anos, foi presa no dia 14 de março portando 30 quilos da mesma substância, divididas em 19 tabletes escondidos em uma mala. Ela veio para a capital amazonense em um vôo vindo de Porto Velho, em Rondônia.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.