Quinta-feira, 05 de Dezembro de 2019
BAIRRO DA PAZ

Casal forja sequestro para reatar relacionamento ‘proibido’, diz delegada

Flávia Larissa de Abreu Fontana, 20, e o seu companheiro Ulisses Costa da Silva, 28, teriam forjado o sequestro da jovem e do filho do casal porque a família de Flávia é contra o relacionamento



delegada.JPG Delegada Poliana Menezes durante coletiva informando que o sequestro de Flávia Larissa foi forjado. Foto: Evandro Seixas
14/08/2017 às 16:26

A delegada Poliana Menezes, interina da Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher (DECCM), informou na tarde desta segunda-feira (14) que o sequestro de Flávia Larissa de Abreu Fontana, 20, foi forjado pela própria jovem e o seu companheiro Ulisses Costa da Silva, 28.

O homem foi acusado pela mãe de Flávia de tê-la sequestrado junto com o filho de um ano do casal, na última sexta-feira (11), no bairro da Paz, na Zona Centro-Oeste de Manaus. A reportagem sobre o caso teve grande repercussão.



De acordo com a delegada, Flávia teria forjado junto com o companheiro o próprio sequestro porque queria ficar com Ulisses, mas a família da moça era contra o relacionamento.

“No sábado (12), após tomar conhecimento que estava sendo procurado pela polícia, ele (Ulisses) veio à delegacia acompanhado de Flávia Larissa se apresentar. Então aqui mesma na sede da delegacia efetuamos a prisão dele pelo fato do descumprimento da medida preventiva”, explicou a delegada, acrescentando que a ação em nome de Ulisses é referente aos anos de 2014 e 2015 e em decorrência dos crimes de lesão corporal, ameaças, injúrias e vias de fato.

Poliana destacou ainda que no momento em que veio à delegacia, Flávia se mostrou revoltada. “Ela chegou a dizer que queria ficar com ele e que nem nós e nem os familiares podiam impedir”.

Ulisses foi preso pela quebra da medida preventiva e por forjar sequestro. Ele ficará a disposição da Justiça. Flávia Larissa poderá responder pelos crimes de denunciação caluniosa. 

Entenda o caso

Na última sexta-feira (11), a mãe da então susposta vítima foi até a delegacia, informa que a filha, Falvia Larissa teria sido sequestrada pelo ex companheiro, em via pública.

De acordo com relatos da mãe a jovem, Flávia estaria voltando para casa quando Ulisses a forçou junto com o filho a entrar no veículo que conduzia.

Ao realizar o novo Boletim de Ocorrência (BO), a delegada notou que já havia outros quatro registros de lesão corporal, ameaças, injúria e vias de fato em nome Ulisses. E que o mesmo estaria com uma audiência marcada referente aos crimes.

Havia ainda um mandado de medida protetiva em favor de Flávia Larissa. Por se tratar de um caso delicado, a delegada pediu então ajuda de alguns veículos de comunicação para solucionar o paradeiro da moça.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.