Publicidade
Manaus
INVESTIGAÇÃO

Caso Andressa: nova busca nas proximidades do Compaj é realizada para encontrar corpo

Andressa Castilho de Souza, 23, desapareceu no dia 28 de novembro de 2017 após ir visitar o marido no regime fechado do Compaj 05/01/2018 às 20:01
Show drco 123
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Uma nova busca foi realizada na tarde desta sexta-feira (5) nas proximidades do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), no quilômetro 8 da BR-174 (Manaus-Boa Vista), para tentar encontrar o corpo de Andressa Castilho de Souza, 23, que desapareceu no dia 28 de novembro de 2017 após ir visitar o marido no regime fechado do Compaj.

De acordo com o delegado Guilherme Torres, diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), após as buscas nenhum corpo foi encontrado. Apesar disso, a autoridade policial ressaltou que as investigações estão avançadas para elucidar o caso e que já há indícios de autoria. “Estamos aguardando, também, o resultado da perícia realizada na primeira revista no Compaj”, complementou.

Participaram das buscas integrantes da DRCO, da Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Deops), da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIP Cães), do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Amazonas (BPchq-AM) e do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM).

Crime

Em matéria publicada anteriormente no Portal A Crítica, Torres informou que tudo indica que Andressa foi assassinada e que o principal suspeito é o ex-presidiário Daniel Ferreira Chaves, que foi morto logo depois do desaparecimento de Andressa. “Tudo indica que Daniel foi morto no semiaberto do Compaj, já temos o local do crime, mas o corpo, provavelmente esquartejado, sumiu, e o corpo dela também ainda não foi achado”, explicou.

Publicidade
Publicidade