Publicidade
Manaus
Manaus

Cemitério do Tarumã enfrenta problemas em área inaugurada e pessoas andam em lamaçal

Quadra 64 do cemitério Nossa Senhora Aparecida, no Tarumã, foi inaugurada em novembro e já enfrenta problemas na estrutura. Local já possui 163 sepulturas 26/12/2014 às 15:31
Show 1
Populares circulam em meio ao barro no cemitério Nossa Senhora Aparecida
OSWALDO NETO Manaus (AM)

A quadra 64 do Cemitério Nossa Senhora Aparecida, na avenida do Turismo, bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus, vem causando transtorno às pessoas que têm seus parentes enterrados. No local, existe um excesso de barro. A quadra foi inaugurada em novembro e já conta com 163 sepulturas. A Semulsp afirma que as chuvas da capital podem ter piorado a estrutura do quarteirão.

Segundo coveiros que trabalham no local, a quadra possui atualmente 163 sepulturas. A área tem aproximadamente 700 metros de extensão e funciona como um “desafogo” para a quantidade de funerais no cemitério. O cemitério Nossa Senhora Aparecida recebe 90% da demanda da capital.

De acordo com um trabalhador, que não quis se identificar, as próprias famílias dos finados ficam encarregadas de zelar pela sepultura, porém, o ritmo de trabalho acelerado no fim do ano não permite que o trabalho seja executado da forma ideal. “Cada um de nós tem que fazer 10 covas de segunda a domingo. É muita coisa porque muita gente morre no fim do ano e vem pra cá”, disse.

A professora Clarice Salomão, 45, participava de um enterro na quadra. Ao sair do local, suas sandálias estavam tomadas pelo barro. “Não tem condições de andar aqui. Está certo que a família tem que cuidar do túmulo, mas o mínimo que poderiam fazer era deixar um chão decente pra quem anda. Tudo é lama”, reclamou.

A Secretaria Municipal de Limpeza e Serviços Públicos (Semulsp) admitiu que as chuvas podem prejudicar os trabalhos na quadra e um fiscal irá ao local. A Secretaria ainda informou que área deveria ser aberta em 2015, porém devido à grande demanda, teve que ser adiantada, impedindo que outras contenções fossem feitas.

Publicidade
Publicidade