Terça-feira, 02 de Junho de 2020
Manaus

Cinco casas noturnas na Zona Leste são interditadas na noite dessa sexta-feira (16)

Uma operação conjunta da Prefeitura, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros interditou estabelecimentos sem alvará de funcionamento, Habite-se, dentre outras irregularidades



1.jpg Estabelecimentos interditados ficavam na avenida Autaz Mirim
17/05/2014 às 14:48

Cinco casas noturnas na Avenida Autaz Mirim, Zona Leste de Manaus, foram interditadas por volta das 22h da noite dessa sexta-feira (16). As interdições da Casa da Mamãe, Natureza, Bolero's Drinks, Chega 'Mas' e Zona Livre, feitas em uma ação conjunta da Prefeitura, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, ocorreram após a constatação de que elas estavam atuando sem alvará de funcionamento, Habite-se, dentre outras irregularidades.

O coordenador da ação, Antônio Peixoto, que está à frente do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da prefeitura, informou que o trabalho faz parte da "Operação Casas Noturnas". Ele lembrou que as fiscalizações começaram ainda em 2013, de forma coordenada e pontual em todas as zonas da cidade.



Peixoto destacou que as fiscalizações têm como finalidade coibir que casas noturnas funcionem sem as documentações exigidas pela prefeitura, o que pode ocasionar riscos aos frequentadores e funcionários. "Grande parte das casas noturnas que funcionam em Manaus apresentam algum tipo de irregularidade. Então, a prefeitura fecha e em desobediência à fiscalização, elas reabrem. Hoje estamos aqui com os órgãos reguladores para coibir isso", afirmou.


As primeiras a serem interditadas foram as casas noturnas Natureza e Casa da Mamãe. Em seguida, as equipes seguiram para o Bolero's Drinks e também para Chega 'Mas' e Zona Livre. Esta última, segundo o chefe de Fiscalização de Obras do Instituto Municipal de Ordem Social e Planejamento Urbano (Implurb), Carlos Alexandre, estava totalmente irregular perante todos os órgãos fiscalizadores.

Já o Natureza, Casa da Mamãe, Chega 'Mas' e Bolero's Drinks, que estavam sem o alvará e o Habite-se, estão em processo de regularização, o que não autoriza de pronto seu funcionamento. A Vigilância Sanitária também reportou casos de alimentos e bebidas mal acondicionados e funcionários manuseando esses produtos de forma inadequada.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.