Publicidade
Manaus
POLÍCIA

Colaborador do Inpa baleado em parada de ônibus morre no Hospital João Lúcio

Jabson Franco da Costa, 34, foi atingido após se recusar a entregar o celular a dupla de assaltantes em uma parada de ônibus na noite desta terça-feira (31) 31/07/2018 às 21:45 - Atualizado em 31/07/2018 às 21:49
Show jabson
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Após ser baleado em uma parada de ônibus na noite desta terça-feira (31), o colaborador do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) Jabson Franco da Costa, 34, não resistiu ao ferimento e morreu no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, na Zona Leste de Manaus. Jabson foi atingido após se recusar a entregar seu celular a uma dupla de assaltantes em frente ao local onde trabalhava, na avenida André Araújo, bairro Petrópolis, Zona Sul.

Jabson foi atendido na emergência da unidade de saúde após ser levado por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). “A equipe médica tentou reanimar o paciente, sem sucesso, e ele veio a óbito. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para remoção do corpo”, informou a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) por meio de nota.

Segundo populares, após ser abordado pelos assaltantes que estavam em uma moto preta, na parada de ônibus em frente ao Inpa, Jabson pediu para não levarem o seu celular. Um dos criminosos disparou contra a vítima e tomou o aparelho.

Pessoas que também estavam no ponto de ônibus realizaram os primeiros socorros até a chegada do Samu. O crime deve ser investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Publicidade
Publicidade