Sábado, 22 de Fevereiro de 2020
tempo limite

Inscrição no processo seletivo da Seduc-AM encerra na próxima segunda (6)

O cadastro para disputar uma das 2.868 vagas com salários que chegam até R$ R$ 4.349,50, é realizado exclusivamente pela internet



show_show_PAS_8340_1BD33EB2-3E63-43D0-9843-AC9C392F9844.jpg Foto: Arquivo AC
02/01/2020 às 11:17

O prazo limite para inscrição no processo seletivo  que busca contratar 2.868 professores temporários, da Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc-AM), termina na próxima segunda-feira (6), às 16h (horário de Manaus).

Com remuneração de R$ 4.349,50 para jornadas de 40h semanais em escolas da capital e do interior do Estado, o cadastro para disputar uma das vagas é realizado exclusivamente pela internet, e pode ser acessado aqui.

No primeiro edital (confira clicando aqui) as oportunidades são para Professor Ensino Presencial com Mediação Tecnológica (673 vagas), Professor Educação Especial (389 vagas) e Professor Ensino Regular (1.762 vagas).



Já no segundo edital (saiba mais clicando aqui) são disponibilizadas 44 vagas para Escolas Estaduais do Sistema Prisional, distribuídas em Manaus (43 vagas) e Manaus (3 vagas) e a inscrição poderá ser feita até o dia 7 de janeiro.

Os candidatos serão selecionados por meio da análise dos documentos, que devem ser enviados após o preenchimento do formulário na página da internet dos organizadores.

Leia mais >>> Aeronáutica abre concurso com 156 vagas para jovens de até 24 anos​
                 >>> Prefeitura de Itamarati lança concurso com salários de até R$ 10 mil​
 

Saiba a diferença entre processo seletivo e concurso público

O processo seletivo simplificado (PSS)  é destinado à contratação temporária nos casos em que haja excepcional interesse público. Normalmente, é feito quando há urgência em contratações. Seu processo de seleção é mais simples, podendo ser constituído, apenas, por análise de títulos. Mas, há casos em que são aplicadas provas e entrevistas. Para que a seleção seja feita, devem ser considerados itens como necessidade temporária de interesse público, tempo determinado ou interesse excepcional.

O concurso público possui o mesmo objetivo, que é a contratação de pessoas, no entanto, a primeira regra desta modalidade é criar cargo efetivo após o estágio probatório. Passados três anos desde a investidura, o servidor já passa a ter a tão esperada estabilidade financeira.

A constituição do concurso se dá por prova objetiva e, ainda, discursiva, prática ou didática, teste de aptidão física, além de entrevista e análise de títulos, dependendo do cargo pretendido. As etapas podem ter caráter classificatório ou eliminatório.

O objetivo do concurso público é criar vínculo efetivo com o servidor por mais tempo. Este só poderá ser desligado em casos graves de desvios quando, então, geram demissão por justa causa.

 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.