Quinta-feira, 03 de Dezembro de 2020
SEGUNDO TURNO

Com 60% das urnas apuradas, Amazonino garante vaga para o 2º turno

Prefeito de Manaus por três vezes, Amazonino irá disputar o segundo turno da eleição municipal com David Almeida, segundo mais votado



aaaaaa_7939BEBE-B78E-4D94-86B6-C93C97AAB5A9.JPG Foto: Aguilar Abecassis
15/11/2020 às 18:48

Com 60% das urnas apuradas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o candidato Amazonino Mendes (Podemos) garante seu lugar no segundo turno das eleições para prefeito de Manaus do próximo dia 29 de novembro. O oponente de Amazonino será David Almeida (Avante). O resultado parcial das apurações já mostram os dois bem a frente do terceiro colocado, José Ricardo (PT). 

O resultado corrobora as projeções de pesquisas de intenção de votos, além das pesquisas de boca e urnas realizadas durante a campanha eleitoral e de hoje, dia da eleição. Amazonino acompanhou de casa a apuração dos votos, já o seu vice, Wilker Barreto, acompanhou do comitê montado no bairro Adrianópolis, na Zona Centro-Sul de Manaus, com apoiadores.



Apesar de não ter participado de nenhum debate eleitoral na televisão alegando obedecer às medidas sanitárias de prevenção ao Covid-19, Amazonino marcou presença em diversos comícios pela capital. Vale ressaltar que, logo após registrar seu voto na Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) - colégio eleitoral onde vota – Amazonino se deslocou para vários pontos da cidade para acompanhar a movimentação do pleito eleitoral.

Esse acompanhamento nas ruas, segundo o candidato, já é uma tradição para ele. Amazonino disse que gosta de observar o comportamento do eleitor no exercício democrático do voto.

Amazonino já foi eleito três vezes prefeito de Manaus, nos mandatos: 1983-1986; 1994-1994 e 2009-2013. Assim como ganhou o pleito como Governador do Amazonas, nos anos: 1987-1990; 1995-2003 e 2017-2019 - este último nas eleições suplementares após cassação do mandato de José Melo. Além disso, Amazonino elegeu-se senador do Amazonas em 1990.

Amazonino foi candidato pela Coligação “Juntos Podemos Mais”, cujo os partidos: PSL, CIDADANIA , PODEMOS e MDB. Durante sua campanha eleitoral, Mendes disse que iria retomar com o atendimento itinerante feito pelas Carretas da Mulher, implantadas durante a sua administração na Prefeitura, com oferta de mamografia, ultrassonografia e exame preventivo. 

Amazonino também anunciou a volta do Cartão Direito à Vida, como importante complemento para o sustento das famílias em vulnerabilidade social, boa parte delas comandadas unicamente com a força de trabalho das mulheres.

O Programa Leite do Meu Filho, também criado por ele na Prefeitura, será ampliado. Assim como o Programa de Habitação para as famílias de baixa renda e a ampliação do cadastro de beneficiários da tarifa social de água e energia.

O candidato prometeu também, implantar Escolas de Tempo Integral, com aula, alimentação e prática de esportes para os estudantes, além da Bolsa Infantil, com ampliação da oferta de creches, para que mães e pais possam trabalhar com tranquilidade e buscar melhores condições de vida.

Para a geração de emprego e renda, Amazonino citou a volta do Banco da Gente, com linhas de crédito para pequenos e médios empreendedores.

O segundo turno da eleição municipal acontece no dia 29 de novembro.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.