Segunda-feira, 06 de Abril de 2020
Manaus

Com uma década de história, torneio indígena do Peladão Brahma 2014 terá 17 equipes

Com cobertura de uma emissora televisiva da França, o Peladão Indígena vai ser sediado no campus da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e contará com o apoio dos cursos de Antropologia e Educação Física



1.jpg Em 2013, 14 times disputaram o torneio e, naquela edição, foram marcados 120 gols
25/11/2014 às 15:26

Com início marcado para o dia 7 de dezembro, a disputa entre os povos indígenas no Peladão Brahma 2014 vai contar com 17 equipes, três a mais que o ano passado. Serão dez times na categoria masculina e sete na feminina. O torneio, que completa nesse ano uma década de criação, vai pagar aos vencedores R$ 1 mil de premiação. O torneio indígena no Peladão foi criado em 2005.

Em 2013, 14 times disputaram o torneio. O campeão masculino foi o Sateré F. C. Na categoria feminina, as moças do Selvagem do Amazonas levantaram o troféu. Naquela edição, foram marcados 120 gols. A média de gol na disputa masculina foi de quatro gols por partida. Já entre as mulheres, a rede balançou, em média, três vezes por jogo.



A exemplo dos anos anteriores, o Peladão Indígena vai ser sediado no campus da Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e contará com o apoio dos cursos de Antropologia e Educação Física. Segundo o coordenador do Peladão, o radialista Arnaldo Santos, uma emissora de televisão francesa virá a Manaus cobrir o evento.

O coordenador da disputa entre os indígenas, o educador físico Carlos Cavalcante, destaca na edição desse ano a volta da equipe da Funai (Fundação Nacional do Índio). Sediado no município de Autazes (a 118 quilômetros de Manaus), o time foi o terceiro a vencer o campeonato, em 2007. Desde 2008, o clube da terra do leite estava afastado da competição.

Os confrontos na primeira rodada serão os seguintes: Funai x Rio Negro/ Hiwy Wato x Baré/ Gavião x Karawara/ Sateré x Munduruku (na categoria Masculina); Selvagem x Karawara/ Hiwy x Karapana/ Yupirunga x Mawé (na categoria feminina.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.