ELEIÇÃO

Com unanimidade em Vânia Marques Marinho, lista tríplice para o TJ-AM é formada

Promotora foi votada por todos os desembargadores e deve ser a próxima a compor a Corte do TJ-AM; Luiz Alberto Dantas e Mirtil Levy complementam a lista

Jefferson Ramos
30/03/2021 às 12:52.
Atualizado em 09/03/2022 às 08:26

(Foto: Antonio Menezes / Acervo AC)

O pleno do Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJAM) escolheu na manhã desta terça-feira (30) os procuradores Vânia Marques Marinho, Luiz Alberto Dantas e Mirtil Fernandes do Vale para compor a lista tríplice para concorrer ao cargo de desembargador do TJAM a ser escolhido pelo governador Wilson Lima (PSC). 

Com 20 votos - uma unanimidade entre os votantes -  a promotora de Justiça Vânia Maria foi a mais votada. Ela é irmã do ministro do Superior Tribunal de Justiça, Mauro Campbell, e deve ser a escolhida pelo governador Wilson Lima para assumir a vaga na Corte deixada por Djalma Martins da Costa, que se aposentou em fevereiro. Depois de Vânia, os promotores Luiz Alberto Dantas (9 votos), Carlos José Alves (7 votos) e Mirtil Fernandes (7) foram os mais votados. O desempate pela última vaga foi decidido pelo critério de antiguidade, sendo escolhido Mirtiol.

Além dos eleitos para a vaga, disputaram as três vagas da lista de competência do MP-AM os promotores de Justiça: Mário Ypiranga Monteiro Neto, Paulo Stélio Sabbá Guimarães, Rogério Marques Santos e Mirtil Fernandes Do Vale.

O presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Domingos Chalub, encaminhou votos em Vânia Maria, Carlos José e Mirtil Fernandes. Nenhum dos desembargadores apresentou  impugnação.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
© Copyright 2022Portal A Crítica.Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por
Distribuído por