Sábado, 04 de Abril de 2020
PARTIDO DE BOLSONARO

Comando do ‘Aliança pelo Brasil’ no Amazonas provoca cabo de guerra

De olho na disputa eleitoral deste ano, bolsonaristas de primeira hora e neófitos disputam o título de criadores do partido no estado



1573056__1__5B5D5D29-00C3-47CA-9F8F-0AE42AEBF8B0.jpeg Foto: Divulgação
15/02/2020 às 18:59

Antes mesmo de ser criado, o Aliança pelo Brasil, sigla idealizada pelo presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido), vive conflitos internos entre os interessados em comandar a legenda nos estados e racha entre os apoiadores que correm contra o tempo para coletar cerca de 492 mil assinaturas de apoio, exigidas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para homologação do novo partido até abril deste ano, prazo máximo para que os filiados disputem as eleições municipais.

A disputa pelo comando do Aliança, no Amazonas, tem ficado mais acirrada a cada dia. De um lado, o superintendente da Suframa, Alfredo Menezes que trabalhou intensamente em 2018 para a eleição de Bolsonaro e de outro há parlamentares como o presidente da Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM), Josué Neto (sem partido) e o deputado estadual Péricles, eleito pelo PSL e presidente do diretório municipal da sigla.



Compadre de Bolsonaro, Menezes é filiado ao Partido Social Liberal (PSL), já participou de várias de reuniões com o presidente da República, em Brasília, e é apontado como o favorito para presidir o partido no Estado, e pode compor o palanque nas eleições municipais deste ano. Em janeiro, o site ‘O Alienista’ publicou que ‘Menezes já ouviu de Bolsonaro que será o presidente do seu futuro partido no estado’.

“Eu não tratei isso com o presidente e ele não tratou comigo. Ele deixou bem claro publicamente, tanto o deputado Eduardo Bolsonaro, e disse: quem vai decidir quem serão os presidentes nos estados é o presidente da República. Segundo ele, nos comentou, (o anúncio) deve ser no mês de abril e maio. Como brasileiro, que somos, estamos apoiando a criação do partido”, afirmou Menezes para a  imprensa na abertura do ano legislativo da ALE-AM.

Promoção pessoal

Representante oficial do Amazonas na mobilização para criação da nova legenda, Perícles já declarou que pretende trocar o PSL pelo Aliança assim que o novo partido estiver formalizado na Justiça Eleitoral. "Estou com o presidente desde o início e faço questão de dizer que reprovo qualquer tipo de movimentação que tenha como único objetivo promoção pessoal, seja qual for o Estado no país. Toda ajuda é bem-vinda, desde que seja genuína", disse.

O parlamentar afirmou que o momento é para esquecer pretensões eleitorais, direcionar esforços para coleta de assinaturas ao invés de priorizar a discussão da composição dos diretórios. Ele também disse que não pretende se candidatar no pleito de outubro. “Depois de criado se discute a questão de diretório, filiações e vai depender das pessoas que estiverem dentro das regras do partido. No primeiro momento, agora, não tenho essa pretensão eleitoral. O nosso objetivo é a coleta de assinaturas sem almejar lá na frente”, explicou.

Outro apoiador é o deputado Josué Neto que conduziu evento de coleta de assinaturas, em janeiro, e nas redes sociais realiza mobilizações pela criação do partido. O parlamentar confirmou que saiu do PSD e que irá se filiar ao Aliança “para poder participar das decisões do partido e seguir a linha de transformação do governo federal pelas mãos do presidente Bolsonaro”.

Questionado se aceitaria o convite para comandar a nova sigla no Amazonas, Josué ponderou que há “pessoas em uma relação mais enraizadas com o presidente Bolsonaro, como o Coronel Alfredo Menezes”. Desde 2019, o parlamentar tenta se viabilizar como pré-candidato à Prefeitura de Manaus e vê na legenda em formação a possibilidade de chegar ao Executivo. No início de fevereiro, em evento de coleta de assinaturas, em Boa Vista, o governador de Roraima, Antônio Denarium (PSL) apresentou Josué como ‘futuro prefeito de Manaus’.

As disputas pela coordenação dos diretórios não se resumem ao Amazonas; estão em estados como São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santos, Rio Grande do Sul e Sergipe. O movimento ‘Direita Amazonas’ publicou nota, em rede social, informando que não tinha ligação com a ação de coleta de assinaturas, realizada na ALE-AM, no dia 25 de janeiro. A reportagem entrou em contato com o presidente  do movimento, Aroldo Filho, mas não obteve resposta.

Mudança de local

O Aliança pelo Brasil realiza hoje, no Dulcilas, às 9 horas, o encontro de apoiadores da sigla em Manaus. Até o momento, 25 cidades do país realizaram o evento. Representante do Estado na mobilização, o deputado estadual Péricles (PSL) afirmou que a meta é coletar 800 assinaturas de apoio à criação da legenda.

Segundo Péricles, o evento vai  iniciar com a execução do hino nacional, seguida de uma oração, discurso dos convidados e uma liderança irá explicar sobre os valores que guiam o partido e em seguida será  aberto espaço para perguntas. Ele afirmou que haverá uma videoconferência com o presidente Jair Bolsonaro.

“Devemos conversar com o presidente  através de uma live ao vivo. Vamos falar sobre a importância de um partido diferente dos demais, conservador em sua essência. Não é qualquer pessoa que vai se filiar ao Aliança. Tem que seguir algumas regras  com práticas políticas boas, transparência e seriedade. O partido que será criado defende a família, é patriota, cristão e tem toda uma linha que deve ser seguida, declarou.

Inicialmente o evento estava marcado para o auditório Canaã, na Faculdade Boas Novas, entidade ligada à Igreja Assembleia de Deus, instituição comandada no Amazonas pelo pastor Jonatas Câmara, irmão do deputado federal Silas Câmara. Péricles disse que a mudança do local para o Dulcilas deve-se a localização e o tamanho do espaço. “O Canaã é um espaço bom, mas muito grande com capacidade para 10 mil pessoas e no Dulcilas é cerca de 800 pessoas que é dentro do público que nós esperamos”.

News larissa 123 1d992ea1 3253 4ef8 b843 c32f62573432
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.