Sábado, 07 de Dezembro de 2019
BLACK FRIDAY

Comércio de Manaus aposta na Black Friday com promessa de até 70% de desconto

Prevista para 23 de novembro deste ano, a data anima lojistas e centros de compras. Expectativa de crescimento é de 3,5% em relação ao ano passado



Black_Friday_8940016B-D94D-4575-8D23-4EFFAD885187.jpg Foto: Arquivo A Crítica
05/11/2018 às 06:05

Apesar de ser uma data do varejo dos Estados Unidos, a Black Friday já está se transformando em uma importante data para o comércio local, este ano acontece no dia 23 deste mês. De acordo com o assessor econômico da Federação do Comércio do Estado do Amazonas (Fecomercio-AM), José Fernando Silva, este ano as vendas terão um crescimento de 3,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

“O desempenho do comércio e das vendas em relação ao Black Friday tem sido muito positiva a variação, crescendo em uma média razoável de ano para ano. Então nós esperamos que esse ano o mesmo desempenho se repita, que a economia comece a se recuperar”, afirmou Silva.



Para o assessor econômico da Fecomercio-AM, as lojas e shoppings que não aderiram à data “se arrependeram”. “A recuperação do nível de emprego, embora muito lenta, está melhorando. As expectativas para o Black Friday estão sendo muito alvissareiras”, destacou.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Ralph Assayag, ressaltou que neste ano a entidade não vai interferir na programação da Black Friday. 

 “Os lojistas vão fazer por conta própria e o que nós estamos conversando e orientando é que evitem colocar qualquer preço alto e depois dizer que baixou. Eles estão trabalhando muito em relação às indústrias, trabalhando junto ao estoque antigo, estoques que estavam parados e agora vão começar realmente a fazer o “queima””, pontuou.

Assayag contou que este ano havia um planejamento para lançar um projeto de software (sistema) para que cada lojista pudesse acrescentar o que vai vender, o preço e a quantidade. Porém não conseguiu ser implantado por conta do ano “turbulento” com lutas contra leis que iam de encontro com o interesse dos lojistas.

“Nós esperamos que no ano que vem tenha menos traumas, deixando a gente trabalhar e nós vamos ter tempo de olhar melhor esses detalhes para poder ampliar o número de empregos e ampliar o número de vendas”, asseverou o presidente da CDL.

Consumidores

A servidora pública Keyseane Silva aproveita a época para adquirir livros por meio do site Amazon. “A única Black Friday que participo é do Amazon. Geralmente eu crio uma lista de desejos com livros de todos os tipos, inclusive para estudos. Até hoje foi o único que realmente vi que tem promoções”, relatou.

A servidora participa da Black Friday do site há cinco anos e aproveita para indicar. "Meus amigos costumam comprar e pedir minha ajuda. Tem livros que ficam pela metade do preço ou até mais baratos", garantiu.

Já a jornalista Pricila de Assis salienta que prefere as lojas físicas. “Busco fazer a análise das lojas, uma pesquisa, não apenas nos shoppings, mas no centro de Manaus. Às vezes no centro está mais em conta que nos shoppings”, disse.

Roupas e acessórios são o principal foco da Black Friday procurado pela jornalista, que já tem a data como parte do calendário de afazeres anual. “Já deixo reservada uma quantia em dinheiro para esse período, fico atenta, a partir do mês de setembro e outubro, no que eu quero”, contou.

Para fugir da “Black Fraude”, Assis revela que é preciso pesquisar com atencedência e ir em lojas confiáveis.

Shoppings no ritmo

Os shoppings da capital amazonense começam a se preparar para a Black Friday, fornecendo promoções aos consumidores de até 70%, além da extensão por vários dias.

No Millennium Shopping cada um dos lojistas ficará responsável pela própria campanha para incrementar as vendas e renovar o estoque. Itens de diversos segmentos, entre eles, eletroeletrônicos, bolsas, bijuterias, cosméticos e perfumaria farão parte da promoção.

No Sumaúma Park Shopping as ofertas chegam a 70% durante os dias 23, 24 e 25 deste mês. A expectativa é que haja um crescimento de vendas de 10%. 

A Black Friday também será realizada de 23 a 25 de novembro no Amazonas Shopping com descontos nos segmentos de vestuário, eletrônicos e acessórios, além da decoração temática para atrair o consumidor.

Fugindo um pouco do tradicional, o Shopping Ponta Negra terá o “Green Friday” - sexta-feira verde em inglês, que acontece a partir do dia 21 e encerra em cinco dias. O slogan do mall será “Sinal Verde Para as Suas Compras” como uma aposta no relacionamento com os clientes.

“O consumidor até aguarda o evento, então se ele quer comprar um tênis, um notebook ou até uma TV, prefere esperar pela liquidação para aproveitar os descontos. Por isso, neste ano, decidimos dar uma cara nova para a campanha”, ressaltou a gerente de marketing  Karla Henderson.

Procon alerta para fraudes

O Programa de Proteção e Orientação ao Consumidor do Amazonas (Procon-AM) vai atuar no monitoramento e orientação nos grandes shoppings da cidade para apurar possíveis fraudes, segundo a chefe de fiscalização, Fabiana Rocha.

“Orientar e evitar fraudes ou abusos que prejudiquem o consumidor, o Procon/AM tem acompanhado de perto esse período de Black Friday,  para que assim o consumidor faça uma comprar segura e vantajosa de fato”, ressaltou Rocha.

Pesquisar os preços com antecedência para não cair na pegadinha do “tudo pela metade do dobro”, buscar por avaliação das lojas na internet e redes sociais, pagar as compras com cartão de crédito, ficar atento às condições de troca e devolução e ter cuidado com as promoções recebidas por e-mail são algumas das dicas que a chefe de fiscalização do Procon destaca.

As empresas, segundo Rocha, podem sofrer punições pela chamada “Black fraude”. “A empresa pode ser multada. Com base no Código de Defesa do Consumidor, o valor depende da infração, que varia desde a falta de garantia do produto em estoque até atraso na entrega”, salientou.

Data promocional

O varejo aproveita a Black Friday para fazer a “queima” dos produtos que estão em estoque nas lojas e renovar para as festas de fim de ano. No Brasil, o pagamento do 13º salário é um dos propulsores do evento que acontece em novembro.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.