Domingo, 19 de Maio de 2019
Manaus

Condutor de veículo que causou acidente fatal com motociclista no P10 responderá em liberdade

Mesmo indiciado por homicídio doloso, o motorista do Fiat Siena que fugiu sem prestar socorro foi liberado após prestar depoimento pois “se apresentou espontaneamente”



1.jpg
O acidente ocorreu por volta das 13h desta quarta-feira (13) na av. Maneca Marques, bairro Parque Dez
14/01/2016 às 16:28

Brayen Santana Siqueira, 22, o condutor do veículo Fiat Siena que causou o acidente que culminou na morte do motociclista Rodrigo Elias Costa, 30, na tarde desta quarta-feira (13), na av. Maneca Marques, bairro Parque Dez, na Zona Centro-Sul de Manaus, se apresentou espontaneamente no 23º Distrito Integrado de Polícia (DIP) uma hora após o acidente. Na delegacia, ele prestou depoimento e foi liberado, já que responderá ao crime de trânsito em liberdade, mesmo indiciado por homicídio doloso.

De acordo com o delegado Rafael Costa e Silva, titular do 23º DIP, o condutor se apresentou acompanhado de um advogado e, durante seu depoimento, afirmou que houve uma discussão no trânsito com Rodrigo, mas que ao persegui-lo não teve a intenção de matá-lo. Testemunhas afirmaram que, após o incidente, ele fugiu sem prestar socorro.

“Ele disse que houve uma briga de trânsito e que Rodrigo teria quebrado o retrovisor do carro dele. O condutor do Siena disse ainda que perseguiu a vítima somente para pegar a placa da moto, mas não tinha a intenção de atropelar o motociclista”, contou o delegado, que não revelou o nome do motorista.

Conforme informações do delegado Costa e Silva, o condutor não foi preso em flagrante porque se apresentou espontaneamente - no entanto, ele foi indiciado por homicídio doloso, que é quando há intenção de matar, mas vai responder ao processo em liberdade.

“O inquérito foi instaurado. Outras três testemunhas disseram que o Rodrigo foi atropelado propositalmente. Agora estou aguardando as imagens do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) e também as imagens particulares das áreas próximas onde aconteceu o acidente para então concluir o inquérito. A partir daí, o processo será encaminhado aà Justiça”, explicou o delegado.

Pastor assassinado com um tiro no trânsito

O delegado Ivo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Seqüestros (DEHS), afirmou que a polícia continua à procura do assassino do motorista e pastor Fábio Júlio Costa dos Santos, 42.

Ele foi assassinado com um tiro na cabeça no final da manhã desta quarta-feira (13) dentro da Kombi em que trabalhava, no bairro José Bonifácio, Zona Norte de Manaus. O delegado afirma que o assassino ainda não foi identificado, mas disse que as investigações continuam.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.