Publicidade
Manaus
Manaus

Confusão entre duas garotas de programa quase termina em morte, no bairro Jorge Texeira

Briga teve início após a chegada de uma novata em um ponto já ocupado por duas mulheres - uma delas tentou expulsar a novata e a outra tentou defender a nova colega 15/09/2015 às 12:14
Show 1
A mulher foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada para o Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo.
Augusto Costa e Kamyla Gomes Manaus (AM)

Duas garotas de programa, identificadas até o momento como Thalita Sabrina e Roberta, que frequentam o mesmo "ponto", se envolveram uma confusão na tarde desta segunda-feira (14), por volta de 15h30, na rua Cleópatra, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus. De acordo com informações da polícia, a briga teve como pivô uma outra mulher, identificada como Dayane Costa, de 24 anos.

As mulheres estavam embriagadas e sob efeito de entorpecentes, segundo a polícia. Quem levou a pior foi Roberta, que foi atingida com golpes de gargalo na costela e no braço direito. Antes, ela havia atingido Thalita com golpes superficiais de faca na perna e barriga.

A confusão começou quando Roberta tentou esfaquear Dayane por conta da concorrência no ponto. Dayane é novata no local. Thalita Sabrina, ao ver a tentativa de agressão, "partiu para cima" de Roberta. Ela disse que tentou apenas defender a Dayane. Antes da confusão de hoje, as três nunca tinha se estranhado.

“Ela (Roberta) me furou primeiro com uma faca, eu apenas me defendi com o gargalo de garrafa. Acho que ela estava bêbada ou drogada porque ficou violenta de repente. Ela queria furar a Dayane e se eu não me metesse ela podia ter matado”, afirmou Thalita.

Roberta foi encaminhada ao hospital (Foto: Antônio Lima)

Agentes do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran), que estavam no local, apartaram a briga e conseguiram evitar o pior. Eles chamaram a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).Policiais militares da 30° Companhia Interativa Comunitária (Cicom) atenderam a ocorrência. 

De acordo com a polícia, Dayane começou a frequentar o ponto a pouco tempo e que Roberta já havia tentado expulsar ela do local. Populares que preferiram não se identificar informaram que Roberta é "acostumada a arranjar confusão" e que essa não é primeira vez que ela tentou furar outra pessoa.

Thalita, que foi presa, mostra que também foi antingida (Foto: Antônio Lima)

Roberta, que ficou mais gravemente lesionada, foi socorrida pelo Samu e encaminhada para o Hospital e Pronto Socorro Platão Araújo. Thalita foi levada pelos policiais e o caso foi registrado no 30° Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Publicidade
Publicidade