Publicidade
Manaus
Manaus

Corpo de Bombeiros alerta para a manutenção nos equipamentos de lanches e restaurantes

Segundo o tenente dos Bombeiros, Janderson Lopes, as praças de alimentação são locais que reúnem grande fluxo de pessoas e precisam da aprovação de projeto pela corporação, além do AVCB para funciona 20/06/2015 às 10:22
Show 1
Na última quinta-feira, um incêndio destruiu parcialmente a cozinha da lanchonete ‘Yuri Grill’, situada na Praça de Alimentação do bairro Dom Pedro
Náferson Cruz ---

Após o incêndio que destruiu parcialmente a lanchonete ‘Yuri Grill’, situada na Praça de Alimentação do bairro Dom Pedro, na Zona Centro-Oeste, na noite de quinta-feira (18), o Corpo de Bombeiros informou que ocorrências como estas são um dos fatores de risco ao público.

Ainda não se sabe, se o local está em dias com as normas do o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) para funcionar. Também será feito um levantamento pelo Corpo de Bombeiros, se o local e as demais praças de alimentação, estão contempladas com o Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI), também obrigatório para que o local possa ser aberto ao público.

Segundo o tenente dos Bombeiros, Janderson Lopes, as praças de alimentação são locais que reúnem grande fluxo de pessoas e precisam da aprovação de projeto pela corporação, além do AVCB para funcionar.

“O documento prevê medidas estruturais, técnicas e organizacionais integradas para garantir à edificação, um nível ótimo de proteção na segurança contra incêndios e pânico”, explicou o tenente. A renovação do documento é anual e cada local tem exigências específicas.

De acordo com Corpo de Bombeiros, ainda não se sabe se o incêndio foi provocado pelo rompimento da mangueira que liga o equipamento de cozinha ao botijão de gás, vazamento ou aquecimento da mangueira. A perícia do local foi feita pela Polícia Militar (PM). Informações preliminares dão conta de que o fogo teve início na cozinha.

Orientação

A manutenção de equipamentos dos estabelecimentos, segundo a orientação, deve ser feita de forma rotineira, incluindo os dutos de exaustão da fumaça, onde a gordura se acumula, estes aspectos importantes de segurança que devem ser criteriosamente observados. Janderson Lopes informou ainda que não tem registros no Corpo de Bombeiros de outros sinistros na capital envolvendo praças de alimentação, “esse deve ter sido um caso isolado”.

Pontos na capital

Em Manaus, existem pelo menos 10 praças de alimentação de grande porte, reunindo bares, quiosques e restaurantes. Elas estão situadas nos seguintes bairros: Eldorado, Dom Pedro, Parque das Laranjeiras, Conjunto Tocantins, Parque Dez, Lírio do Vale, Cidade Nova e Calçadão do Distrito Industrial.

A reportagem entrou em contato com a Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom), com o intuito de obter respostas quanto à manutenção da segurança de infraestrutura nas praças de alimentação, porém não obteve êxito.

Incêndio começou na cozinha

Um incêndio destruiu a lanchonete do Castelo, na avenida São Jorge, no bairro São Jorge, Zona Oeste, na tarde ontem. O fogo teria começado depois de um vazamento de gás na cozinha. As pessoas que estavam no lanche disseram que um dos funcionários estava fazendo a limpeza das chapas quando o fogo começou.

Outro incidente

A panificadora Conde do Pão, também localizada no bairro Dom Pedro, na Zona Centro-Oeste, foi atingida por um incêndio de grandes proporções no início de janeiro deste ano. O incêndio começou por volta das 13h10. As chamas se propagaram sem controle pelo terceiro pavimento do estabelecimento, só sendo contidas por volta das 14h40. Ninguém ficou ferido, mas o último piso do imóvel ficou destruído. O principal foco do sinistro foi no último andar do imóvel, onde funcionava uma confeitaria e que também servia como déposito para documentos e embalagens.


Publicidade
Publicidade