Publicidade
Manaus
CORPOS

Corpos de duas vítimas de acidente aéreo serão transportados para Santa Catarina

O empresário Osnir dos Santos e o corretor de imóveis Valdir Adenir, que morreram após queda de avião em Manaus, são naturais de Blumenau 23/02/2018 às 10:20 - Atualizado em 23/02/2018 às 12:09
Show 126b1372 06ee 418a ac63 631227a33d53
Foto: Jair Araújo
Álik Menezes Manaus (AM)

Os corpos do empresário Osnir dos Santos e do corretor de imóveis Valdir Adenir, mortos durante o acidente aéreo ocorrido ontem (22) em Manaus, serão transportados para a cidade de Navegantes, localizada em Santa Catarina. Os dois são naturais de Blumenau, no mesmo estado.

Segundo funcionários da Funerária São Francisco, localizada no bairro Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus, os dois corpos foram levados para o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes e, de lá, embarcam com destino ao Aeroporto Internacional Victor Konder, no município de Navegantes. Depois, cada vítima segue para cidades diferentes.

O corpo do empresário Osnir dos Santos, de 51 anos, foi retirado do Instituto Médico Legal (IML) às 01h11 desta sexta-feira (23). Já o corpo do corretor de imóveis foi removido do IML para a funerária às 5h. Não havia parentes das vítimas na funerária.

Acidente aéreo

Um avião de pequeno porte, monomotor Embraer EMB-720, de prefixo PT-VKR, caiu matando quatro pessoas e deixando uma gravemente ferida na manhã de ontem (22), em Manaus, em um terreno localizado por trás do depósito das lojas Ramsons, na avenida Torquato Tapajós, na Zona Centro-Oeste da capital. Inicialmente, o número de vítimas fatais era três, mas um dos passageiros que foi resgatado com vida faleceu no hospital.

As primeiras três vítimas fatais foram o piloto Robison Rodrigues Castilho, 40, o copiloto José Hernandes de Lima Rogério, 38, e o empresário Osnir dos Santos. O corretor de imóveis Valdir Adenir ainda foi hospitalizado e passou por cirurgia, mas não resistiu. A única vítima sobrevivente é Fábio Matias da Cunha, 47, que segue internado em estado grave.

Publicidade
Publicidade