Publicidade
Manaus
Manaus

Delegado diz que depoimentos dos pais do bebê Pablo são ‘fantasiosos’

Para ele o caso é complexo e vai exigir uma investigação mais demorada para desvendar o paradeiro que foi dado a criança 22/08/2015 às 12:38
Show 1
Delegado Ivo Martins concluiu que a história dos dois é mentirosa e fantasiosa
joana queiroz ---

Depois de ter tomado o depoimento do casal Josias Oliveira Alves e a sua ex-companheira Cleudes Maria Batista de Moraes, a “Cléo”, 22, envolvidos no desaparecimento do filho, o bebê Pablo Pietro de quatro meses de idade, o titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Ivo Martins, concluiu que a história dos dois é mentirosa e fantasiosa.

Para ele o caso é complexo e vai exigir uma investigação mais demorada para desvendar o paradeiro que foi dado a criança. Ontem, Ivo Martins disse que o caso ocorreu de noite e no meio do rio, portando não teve testemunhas, mas colheu o depoimento de pessoas que trabalham no porto do São Raimundo que presenciaram a briga entre o casal ainda no porto e em seguida ela com a criança no colo entrando na canoa de Josias, porém ninguém viu o retorno da criança.

 “Eu não posso afirmar se esse bebê está vivo ou morto como afirmam os pais”, disse o delegado. O delegado disse ainda que está colhendo provas técnicas e que o próximo passo das investigações é a realização de acareação entre Josias e Cléo, assim como a reconstituição do caso. “A principal intenção da polícia nesse momento é entender como ocorreu o caso e depois descobrir que fim levou Pablo Pietro”, disse Martins.


Publicidade
Publicidade