Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
Manaus

Deputado propõe que mandato de Arlindo Porto seja 'devolvido' em ato simbólico

A homenagem, segundo o parlamentar, deverá ser feita no mesmo molde do Senado Federal, que devolveu, em ato solene, mandatos de parlamentares que tiveram suas prerrogativas usurpadas autoritariamente pelo governo à época



1.jpg Arlindo Porto, presidente da Academia Amazonense de Letras
20/12/2012 às 17:08

O deputado estadual Arthur Bisneto (PSDB) propôs nesta quinta-feira (20) na Assembleia Legislativa do Amazonas reaver, simbolicamente, o mandato de deputado estadual ao atual presidente da Academia Amazonense de Letras (AAL), Arlindo Porto, cassado pelo regime militar (1964-1985).  

A homenagem, segundo o parlamentar, deverá ser feita no mesmo molde do Senado Federal, que devolveu, em ato solene, mandatos de parlamentares que tiveram suas prerrogativas usurpadas autoritariamente pelo governo à época.

Para Bisneto, a cassação de Arlindo Porto foi um ato de covardia. “Gostaria que fosse feito o mesmo que aconteceu no Senado. O que aconteceu com Arlindo Porto foi pior do que ocorreu com o meu avô (senador Arthur Virgílio). Ele foi cassado antes do ato constitucional e acho que ele merece receber essa homenagem”, justifica. Na época, Arlindo foi o único deputado estadual cassado no país.

O parlamentar pretende propor ainda que a entrega seja feita em sessão especial no início das atividades legislativas em 2013.





Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.