Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
Cotidiano, Justiça, TJAM, Desembargador Lafayette Carneiro Vieira Júnior

Desembargador eleito pelo critério de antiguidade toma posse no TJAM

Na magistratura há 23 anos, Lafayette Carneiro Vieira Júnior passa a ocupar a vaga de Luiz Wilson Barroso, que se aposentou em fevereiro deste ano



1.jpg Presidente do TJAM, Ari Jorge Moutinho e o novo desembargador da corte, Lafayette Vieira Carneiro Júnior
14/03/2013 às 15:24

O desembargador Lafayette Carneiro Vieira Júnior tomou posse no cargo nesta quinta-feira (14), durante solenidade realizada no Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), localizado no bairro do Aleixo, na Zona Centro-Sul de Manaus.

A saudação ao novo desembargador foi proferida pela desembargadora Carla Maria dos Santos Reis, que durante seu discurso falou da brilhante carreira do magistrado.

Lafayette Carneiro Vieira Júnior é filho do desembargador aposentado Lafayette Carneiro Vieira, que na ocasião aproveitou para registrar uma homenagem ao filho que seguiu o mesmo caminho do pai.



 “Um dia glorioso, para minha vida e dos meus familiares. Ele chegou onde eu cheguei e eu estou muito feliz; é um sonho realizado de qualquer pai ver seus filhos seguindo os mesmos passos”, acrescentou emocionado o desembargador aposentado.

Em seu discurso de posse o desembargador Lafayette agradeceu ao apoio prestado pela família que esteve ao seu lado acompanhando os momentos de dedicação à carreira.

Além de familiares, estiveram presentes na solenidade de posse o presidente do TJAM, desembargador Ari Jorge Moutinho da Costa, e outros 17 desembargadores que compõem  a Corte do Tribunal, servidores  e autoridades como o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o governador em exercício, José Melo, o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ari Jorge Moutinho da Costa Júnior, o superintendente da Polícia Federal, Sérgio Fontes e demais membros da sociedade civil.

Lafayette Carneiro Vieira Júnior passa a ocupar a vaga de Luiz Wilson Barroso, que se aposentou em fevereiro deste ano. Ele  foi nomeado recentemente pelo presidente do Tribunal, desembargador Ari Jorge Moutinho da Costa, para ser o coordenador do Judiciário amazonense na Copa das Confederações Fifa-2013 e Copa do Mundo Fifa-2014.

Na magistratura, há 23 anos, Lafayette julgou casos de grande repercussão na capital, como o processo envolvendo policiais civis acusados de extorsão, em 2011; o cartel dos postos de combustíveis, em 1992; o concurso da Secretaria Municipal de Saúde, em 2012, dentre outros.

No ano passado, o magistrado, por ser o mais antigo juiz, assumiu a Prefeitura Municipal de Manaus em três ocasiões, durante a ausência do ex-prefeito Amazonino Mendes, ficando à frente do Município num total de 15 dias.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.