Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019
Manaus

Detento foge para cobrar R$30 de irmão e acaba preso acusado de estuprar a cunhada

'Matinho' negou a tentativa de estupro e relatou que “partiu para cima” para defender a honra do irmão, ao ver cunhada com outro homem



1.jpg 'Matinho' negou o crime e disse que pegou a cunhada na cama com outro homem e decidiu tirar satisfação, quando foi surpreendido pelo irmão em cima da mulher
08/10/2013 às 12:35

O presidiário Raimundo Nonato de Araújo, 18, o ‘Matinho’, foi recapturado na noite desta segunda-feira (7), por volta das 21h, após fugir do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e ir até a casa do seu irmão para cobrar uma dívida de R$ 30. Na residência, localizada no bairro Santa Inês, Zona Leste de Manaus, o suspeito tentou estuprar a cunhada e foi surpreendido pelo irmão quando estava em cima da cama com a mulher.

De acordo com os policiais militares da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), ‘Matinho’ fugiu do presídio depois de pular o muro e foi em direção da casa do irmão, com a intenção de cobrar o dinheiro que o mesmo devia. Na casa, apenas a cunhada de 31 anos se encontrava. Segundo ela, o suspeito estava com o terçado quando a ameaçou de morte e tentou a forçar a manter relações sexuais com ele.



“Ela disse que o Matinho a jogou na cama, deitou em cima dela e tentou rasgar a sua roupa, quando o marido chegou na casa e flagrou o irmão tentando cometer o estupro”, disse um dos policiais que atendeu a ocorrência.



Briga entre irmãos

Após o flagra, o marido, que é ajudante de pedreiro e tem 19 anos, ficou revoltado e foi para cima de Raimundo. Os dois travaram uma luta corporal e o suspeito tentou o ferir com um terçado durante a briga, porém ‘matinho’ não obteve sucesso na tentativa. Depois de ser expulso do local, o presidiário se escondeu dentro de uma casa em construção na mesma via pública

Um mototaxista presenciou a briga e acionou os policiais, que recapturaram ‘Matinho’ alguns minutos depois. Ele foi levado ao 30º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuado por tentativa de homicídio e de estupro.

Raimundo já cumpria pena na unidade prisional pelos crimes de homicídio e ameaça, previstos no Artigo 121 do Código Penal Brasileiro (CPB).

Outro homem

Em depoimento, 'Matinho' negou que tenha tentado estuprar a cunhada e relatou que na verdade, ele a viu na cama com outro homem e partiu para cima para defender a honra do irmão, quando foram flagrados pelo mesmo.

“Eu não fiz nada contra ela, mas quando cheguei na casa para cobrar o meu dinheiro e eu a vi com um homem na cama, parti para cima. Ela estava colocando chifres no meu irmão e fui para cima porque nenhuma mulher engana meus parentes, mas ele chegou na hora e pensou que eu estava tentando estuprá-la”, garantiu o detento.

O ‘Matinho’, depois dos procedimentos na delegacia, foi encaminhado à cadeia pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa na manhã desta terça-feira (8).

* Com informações do jornalista Thiago Monteiro  


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.