Domingo, 19 de Maio de 2019
FAMOSO

Detento que ficou famoso ao fazer postagem nas redes sociais continua foragido

De acordo com a PM, a informação de que Brayan Bremer teria sido preso na segunda-feira (2), não procede. Ainda segundo a polícia, o parceiro dele e mais seis presos foram recapturados pela 8ª Cicom



show_52143.JPG
Brayan Bremer Quintelo Mota fez várias postagens no Facebook
03/01/2017 às 11:07

Brayan Bremer Quintelo Mota, detento do sistema prisional condenado por tráfico de drogas que fugiu do Instituto Prisional Antônio Trindade (Ipat), em Manaus, no último domingo, segue foragido da justiça.  Ele ficou conhecido nas redes sociais após fazer postagem no Facebook logo após a fuga.

De acordo com a Polícia Militar, a informação de que Brayan teria sido preso na segunda-feira (2), não procede.  Ainda segundo a PM, o parceiro dele, Francisco de Assis Oliveira Ferreira,  foi recapturado após as guarnições da 8ª Cicom realizaram patrulhamento por ramais próximos a unidade prisional.

Durante a ação, os policiais conseguiram recapturar seis fugitivos em um ramal próximo à estrada. Os mesmos foram entregues à guarda do IPAT.

A última postagem de Brayan ocorreu na tarde de ontem. Ele diz na publicação que está a caminho do município de Maués (a 267 quilômetros da capital). “(Sic) Maues xegando aiii pra soma as solteiras q se cuide”, publicou.

Um pouco antes dessa postagem, ele aparece ao lado de quatro pessoas comendo jaca em uma área de mato. “Deu jaca !!!!”, postou ele no Facebook.

A publicação, que rapidamente começou a ser compartilhada e comentada por diversos usuários, ficou pouco tempo online. Cerca de dez minutos após a postagem, ele a deletou.

O post incial que popularizou na web, o da fuga, no entanto, segue publicado e alcançou mais de 26 mil curtidas e 9 mil compartilhamentos até o fechamento desta edição.

Comemoração

Condenado a sete anos de prisão por tráfico de drogas, Brayan Bremer publicou a foto comemorando a fuga na tarde de domingo. Ele, que tem uma condenação judicial registrada em setembro de 2013, postou a foto às 17h36, ao lado de outro rapaz. Usando uma camisa do Bayern de Munique e com o corpo cheio de lama, ele escreveu: "na fulga (sic) da cadeia”.

Nos comentários, ele diz que era detento do Ipat e comemora a liberdade. "Tamos todos sujos d barro po... mas o que vale e a liberdade (sic)", afirma ele na postagem. A publicação causou alvoroço nas redes sociais e foi noticiada por diversas publicações do País.

No último dia 23, Brayan postou uma imagem dizendo que “se toda alegria é passageira, nenhum sofrimento será eterno. Liberdade”. Todos os posts recentes de Brayan são vetados para comentários de quem não é seu amigo na rede social. Os únicos liberado para qualquer comentário são os que ele comemora a fuga da cadeia.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.