Quinta-feira, 18 de Julho de 2019
NOVIDADE

Detran abre credenciamento para empresas realizarem inspeção de poluição veicular

A iniciativa segue as recomendações do PCPV para o Amazonas e é uma resposta do órgão às cobranças feitas pelo Ministério Público Federal (MPF)



leonel.JPG Leonel Feitoza é o diretor-presidente do Detran-AM (Foto: Euzivaldo Queiroz)
18/09/2017 às 13:29

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) abriu credenciamento para que empresas de todo o País possam fazer o serviço de inspeção da poluição veicular na cidade de Manaus.

O credenciamento começou mês passado e não há prazo para seu encerramento, disse o diretor-presidente do órgão, Leonel Feitoza.

A iniciativa segue as recomendações do Plano de Controle de Poluição Veicular (PCPV) para o Amazonas e é uma resposta do órgão às cobranças feitas pelo Ministério Público Federal (MPF), que impetrou 20 ações acionando o Detran para cumprimento das ações.

"Há mais de dois anos o Ministério Público Federal nos cobra esse serviço de inspeção, que por uma série de fatores não havia sido feito ainda. Mas agora a Lei está regulamentada e contamos com o apoio do Ipaam", afirmou o diretor-presidente.

Quando começar o serviço, ele ficará em torno de R$ 120 reais por veículo inspecionado, informa Feitoza.

Até o momento três empresas deram entrada na documentação para se credenciarem ao serviço. Uma comissão foi criada com especialistas para analisar os pedidos, disse o diretor do órgão. A comissão tem a participação de membros do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam).

Mais de uma empresa pode ser habilitada para o serviço, disse o diretor do Detran, que espera começar a inspeção em breve.

"Estamos no período de análise documental para, aí sim, depois escolhermos a empresa, ou empresas, para começar o serviço. Nossa grande preocupação são os veículos pesados a diesel".

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.