Publicidade
Manaus
Manaus

Detran apreende 42 caminhões irregulares pelas ruas de Manaus durante fiscalização

Principais irregularidades foram pneus carecas, problemas no acondicionamento de cargas, lacre de placas rompidas e falta de documentos 22/10/2015 às 16:10
Show 1
Blitz ocorreu na av. Rodrigo Otávio, perto do Porto Chibatão
SILANE SOUZA Manaus

Quarenta e dois veículos pesados entre carretas, cavalos, caçambas e caminhões foram apreendidos pelo Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) em uma blitz ocorrida nesta manhã (22).

A ação ocorreu de 8h às 12h na avenida General Rodrigo Otávio e adjacências, como nas proximidades do Porto Chibatão e Super Terminais, localizados no Bairro Colônia Oliveira Machado, na Zona Sul.

De acordo com o diretor-presidente do Detran-AM, Leonel Feitoza, as principais irregularidades encontradas foram lacre de placas rompidas, pneus carecas, falta de documentos de veículos e problemas no acondicionamento de cargas.

“O que nós queremos com essas ações é justamente da segurança a população da cidade. Hoje qualquer pessoa tem pavor de passar ao lado de uma carreta com medo que ela tombe”, evidenciou.


Blitz verificou diversas problemas nos caminhões

Feitoza destacou que, na semana passada, uma fiscalização no mesmo local apreendeu 32 veículos pesados. Nesta quinta-feira (22), o número de apreensões foi maior, no entanto, as irregularidades constatadas foram às mesmas detectadas na ação anterior.

“O que falta é conscientização. As pessoas têm que entender que as leis de transito foram feitas para serem cumpridas porque quando não se cumprem, tragédias acontecem”, ressaltou.

O diretor-presidente salientou que o Detran-AM continuará com ações de fiscalização. Segundo ele, só este ano o órgão suspendeu quase 2 mil habilitações de pessoas pegas em blitz da Lei Seca. Ao todo, incluindo outras infrações de trânsito, foram suspensas quase 5 mil habilitações.


Detran autou 42 veículos pesados durante a blitz

“É um número muito grande de irregularidades. Infelizmente, são muitos erros que as pessoas e, nesse caso, as empresas, continuam cometendo. Então, nós vamos continuar com as operações porque queremos um trânsito de paz”, apontou Feitoza.

Todos os veículos apreendidos foram encaminhados ao parqueamento do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas. As multas aplicadas variam de R$ 72 a R$ 597.

Publicidade
Publicidade