Domingo, 21 de Julho de 2019
Manaus

'Diabinho' disse que matou motorista de ônibus para se proteger e ajudar comparsa

A prisão de Linekin ocorreu na manhã desta sexta-feira (8), por volta das 6h, na invasão Gustavo Nascimento, Cidade de Deus. Sales foi preso por volta das 8h, no bairro Zumbi



1.jpg Em ordem, o menor de idade, Sales Soares e Linekin Marinho, o “Diabinho”, apontado pela Polícia Civil por matar com uma facada o motorista Marcio Gama, 37
08/01/2016 às 16:38

“A gente não fez isso por maldade, mas pra salvar a minha vida e a dele (comparsa) foi preciso fazer isso”, disse o Linekin Marinho de Lira, 23, conhecido como “Diabinho”, apontado pela Polícia Civil por matar com uma facada, o motorista Marcio Gama, 37. Na ocasião, Sales Soares Tavares, 18, também foi preso e um menor de 13 anos foi apreendido.

De acordo com informações do delegado titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Degradações (Derfd),  Adriano Felix, o menor era o olheiro do grupo.  Na residência dele, localizada no bairro Cidade de Deus, foi encontrada a faca utilizada no crime.

A prisão de Linekin ocorreu na manhã desta sexta-feira (8), por volta das 6h, na invasão Gustavo Nascimento, Cidade de Deus. Sales foi preso por volta das 8h, no bairro Zumbi.

Durante coletiva de imprensa, Diabinho contou que se arrepende do que fez e que foi no local apenas para roubar a motocicleta do motorista.

“A nossa intenção era outra, mas ele reagiu e então houve luta corporal, e pra salvar nossas vidas foi preciso fazer isso”, contou com muita frieza.

Na delegacia, a irmã e esposa da vítima choraram, desabafaram e agradeceram ao trabalho da polícia. O menor será encaminhado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai). 

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.