Sexta-feira, 19 de Abril de 2019
publicidade
leonel.JPG
publicidade
publicidade

EM BREVE

CNH digital deve ser testada em Manaus no próximo mês, diz diretor do Detran-AM

O aplicativo da CNH-e está disponível para download, mas a versão está sendo testada na prática somente no estado de Goiás


30/08/2017 às 05:00

Anunciada na manhã desta terça-feira (29), a versão digital da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), que já possui um aplicativo beta para download no sistema Android, deverá ser testada em Manaus no próximo mês.

"O aplicativo pode ser baixado por qualquer um, mas ele só tem utilidade, no momento, em Goiás, onde está sendo testado na prática. Se o resultado for positivo, a previsão é que o sistema seja testado em Manaus já no próximo mês", explicou o diretor do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), Leonel Feitoza.

A novidade, contudo, é vista com certa descrença pelo diretor, que acredita que ela não trará tantas mudanças.

"A CNH digital não acaba com a CNH de papel. Ela funciona apenas como uma ferramenta, uma opção a mais para aqueles que já têm a carteira de motorista tradicional", comentou o diretor do departamento, cético quanto à nova tecnologia.

"Diferentemente da CNH normal, esta digital só será aceita dentro do Brasil. No final, não vejo muita diferença, afinal que tem a sua CNH anda sempre com ela, até porque a mesma funciona como um documento de identidade também", comentou Leonel Feitoza.

O diretor do Detran-AM ressaltou ainda que a novidade abre muito espaço para possíveis crimes cibernéticos de falsificação.

 "O sistema deve ser implementado, em todo o Brasil, incluindo o Amazonas, até fevereiro do ano que vem. Até lá serão necessários muitos testes e estudos por parte do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), como forma de prevenir esses ataques cibernéticos. Precisamos adquirir experiência primeiro e por enquanto não temos nada concreto", explicou ele.

Novidade

Até agora, a novidade só pode ser baixada na versão para testes em formato APK no sistema, mas, futuramente, o aplicativo será disponibilizado para todos os usuários dos sistemas Android e iOS.

O novo documento terá o mesmo valor jurídico da CNH física. A CNH-e será opcional e caberá ao condutor escolher se quer utilizar o aplicativo ou não. O usuário poderá fazê-la pelo smartphone, se tiver certificado digital, ou no Detran de seu Estado.

publicidade
publicidade
Para ministro, mudanças na CNH vão facilitar punição de infração grave
Detran-AM leiloa 425 veículos recolhidos no pátio do órgão neste sábado (6)
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

publicidade
publicidade

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.