Publicidade
Manaus
Manaus

Doador de sangue em Manaus poderá ter descontos em shows e isenção de taxas em concursos

A medida serve para incentivar a doação de sangue em Manaus. Um projeto de lei que trata sobre o assunto está em tramitação na Câmara Municipal 12/11/2013 às 20:46
Show 1
Atendimento preferencial em estabelecimentos comerciais, bancários, de serviços e similares também estão entre benefícios destinados aos doadores
ACRITICA.COM* Manaus (AM)

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou nesta terça-feira (12) a tramitação do Projeto de Lei n° 436/2013, de autoria do vereador Everaldo Farias (PV), que amplia os benefícios para os doadores de sangue da capital.  Agora, o projeto segue para a análise na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Casa.

Pela nova proposta, todas as pessoas cadastradas na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (FHemoam) que fizerem no mínimo uma doação por ano terão direito: à isenção das taxas de concursos públicos municipais de que venham a participar; atendimento preferencial em todos os estabelecimentos comerciais, bancários, de serviços e similares; além do pagamento de metade do valor do ingresso efetivamente cobrado em eventos de esporte, cultura e entretenimento realizados na cidade.

Entre janeiro e outubro deste ano, mais de 51 mil candidatos à doação procuraram a FHemoam e, desses, uma média de 50% já são considerados fidelizados no programa de doção de sangue. “Aquele cidadão que se dispõe a doar sangue está doando vida, dando uma nova oportunidade aqueles que aguardam. Então o município tem que ampliar os benefícios a essas pessoas que se dispõe a ajudar”, defendeu Everaldo.

O vereador é otimista em relação à aprovação final da proposta. “Hoje inicia a tramitação e acredito que em breve teremos este projeto aprovado. Após isso é importante iniciarmos uma campanha de divulgação da lei para que aqueles que tiverem interesse em doar saibam os benefícios oferecidos pelo município”, declarou o parlamentar.

Se aprovada, a lei permitirá ao doador ter uma carteira contendo fotografia e espaço destinado ao registro das doações. A carteira de Doador de Sangue terá a validade de um ano contados da última doação. “Com a nova legislação, estaremos proporcionando benefícios justos a aqueles doadores que ajudam a salvar vidas prestes a serem interrompidas seja por conta de um acidente ou uma doença", completou Everaldo.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade