Publicidade
Manaus
CONFUSÃO

Três policiais ficam feridos em Manaus após PF e Polícia Civil trocarem tiros por engano

Ambas equipes tinham como alvo comum uma embarcação com 500 quilos de drogas, que acabaram apreendidos 09/06/2017 às 08:34 - Atualizado em 09/06/2017 às 08:59
Show arma
Foto: Agência Brasil
Amanda Guimarães e Dani Brito Manaus (AM)

Três agentes das polícias Civil e Federal ficaram feridos na noite dessa quinta-feira (8), em Manaus, após trocarem tiros por engano nas proximidades do Estaleiro Rio Negro, na Zona Oeste da capital. Ambas equipes tinham como alvo comum uma embarcação com 500 quilos de drogas, que acabaram apreendidos.

O Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) estava realizando a apreensão quando houve confusão. Segundo o titular da DRCO, o delegado Guilherme Torres, os policiais civis estavam apreendendo a droga quando uma lancha da Polícia Federal se aproximou do local. Como o lugar era escuro, ambos policiais não conseguiram se identificar e houve troca de tiros.

Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas confirmou a ocorrência. A SSP relatou que durante o incidente foram feridos dois servidores da Polícia Federal e um da Polícia Civil, os quais foram devidamente socorridos por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Eles se encontram sob cuidados médicos e não correm risco de vida.

O órgão destacou que a droga foi devidamente apreendida e os narcotraficantes envolvidos no transporte foram autuados em flagrante delito pelo DRCO/PCAM, estando presos e à disposição da Justiça.

Confira a nota na íntegra:

A Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas, a Polícia Civil do Amazonas e a Superintendência da Polícia no Amazonas informam que ontem, por volta das 19:30 horas, nas proximidades do Estaleiro Rio Negro, equipes da Polícia Civil e Polícia Federal se envolveram em confronto armado após equívoco recíproco na identificação de alvos.

Ambas equipes estavam em atividade de repressão ao tráfico de entorpecentes e tinham como alvo comum uma embarcação que transportava cerca de 500 kg de drogas.

Durante o incidente foram feridos dois servidores da Polícia Federal e um da Polícia Civil, os quais foram devidamente socorridos por equipes do SAMU, se encontram sob cuidados médicos e não correm risco de vida.

A droga foi devidamente apreendida e os narcotraficantes envolvidos no transporte foram autuados em flagrante delito pelo DRCO/PCAM, estando presos e à disposição da Justiça.

A SPP-AM, a Polícia Civil do Amazonas e a Polícia Federal reiteram o compromisso de integrar esforços institucionais conjuntos no combate ao narcotráfico no Amazonas, se solidarizam no apoio aos servidores feridos durante o importante trabalho que desenvolvem e cujo risco, inclusive de avaliação, é inerente à atividade operacional em campo.

Visando minimizar a ocorrência de tais incidentes de trabalho, a SSP-AM, a PCAM e a SR/PF/AM buscarão o aprimoramento dos protocolos de comunicação e troca de informações entre os escalões operacionais das instituições policiais. Procedimentos foram instaurados para apurar o  ocorrido.

Desta forma, a SSP, a PCAM e a SR/PF/AM almejam manter o alto nível de resultados conjuntos alcançados no combate ao narcotráfico no Amazonas nos últimos anos, sem prejuízo do nível de segurança de todos os  servidores empenhados diuturnamente neste relevante serviço público prestado ao cidadão amazonense.

A SSP-AM, a Polícia Civil do Amazonas e a Polícia Federal reiteram o compromisso de integrar esforços institucionais conjuntos no combate ao narcotráfico no Amazonas, se solidarizam no apoio aos servidores feridos durante o importante trabalho que desenvolvem e cujo risco, inclusive de avaliação, é inerente à atividade operacional em campo.

Publicidade
Publicidade