Publicidade
Manaus
Manaus

Dupla de assaltantes é presa com iPhones e produtos de grife no Alvorada III, zona Centro-oeste

Na casa dos suspeitos foram encontrados aparelhos iPhones, drogas, bolsa da Calvin Klein e roupas de grife. Um dos suspeitos já responde por roubo e porte ilegal de munição 21/01/2015 às 14:00
Show 1
O caso foi registrado no 10º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no bairro Alvorada, zona Centro-oeste de Manaus
acritica.com Manaus (AM)

Geovanny Pereira dos Santos e Salmon Mourão Cavalcante foram presos na noite de terça-feira (20) após roubar um casal na rua Francisco Maciel, Alvorada III. Na casa dos suspeitos foram encontrados iPhones, drogas, bolsas e roupas de grife.

Segundo informações da polícia, Bruna Heloisa da Costa e Sérgio Augusto Pereira andavam pela rua quando foram assaltados pela dupla. Os suspeitos teriam ameaçado o casal com uma faca, levado os celulares da vítima e fugido logo em seguida em uma moto de placa LXX – 7226.

Policiais da 10ª Cicom realizaram patrulha junto com as vítimas e identificaram a motocicleta estacionada em frente a uma casa na rua Edson Melo, Alvorada III. Geovanny e Salmon foram revistados em frente a residência e foi encontrado com eles um aparelho de iPhone, de uma das vítimas.

Moradores abordaram os policiais e informaram que a dupla traficava drogas e roubos na região.

Os policiais fizeram uma revista na casa dos suspeitos e encontraram uma balança de precisão usada para medir a droga, quatro porções de crack, cocaína, outros dois iPhones, uma faca usada para crimes, uma bolsa Calvin Klein, duas capas de máquinas fotográficas profissionais, um celular da marca Samsung e uma jaqueta de couro preta da marca Pool.

O caso foi registrado no 10º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e a dupla responderá por por roubo majorado, tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Segundo o site do Tribunal de Justiça, Geovanny  é presidiário em Regime Aberto desde maio do ano passado. Ele responde por porte ilegal de munição de uso permitido, por ter sido encontrado com 14 munições intactas de calibre 38 no dia 30 de dezembro de 2011. Geovanny também responde por um celular no dia 04 de abril de 2013 e espancar a vítima durante o assalto.


Publicidade
Publicidade