Publicidade
Manaus
ZONA CENTRO-OESTE

Dupla é presa por ‘acaso’ após atropelar idosa e deixar arma cair em rua da Redenção

Donatelo Costa dos Santos e Luiz Fernando Lima estavam com uma motocicleta modelo CG 150, de placas NOJ-2154, com restrição de roubo 21/06/2018 às 19:46
Show dupla
Foto: Jander Robson
Fábio Oliveira Manaus (AM)

Por acaso, dois homens acabaram presos, na tarde desta quinta-feira (21), na rua Gurupi, no bairro Redenção, Zona Centro-Oeste de Manaus, com uma arma caseira e motocicleta com restrição de furto. A dupla atropelou uma senhora de idade e, ao cair no chão, o armamento apareceu e um policial civil que vinha em um carro logo atrás percebeu e efetuou a prisão.

A informação foi repassada pelo delegado Adriano Félix, titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD). De acordo com ele, os presos foram identificados como Donatelo Costa dos Santos e Luiz Fernando Lima. Os dois estavam com uma motocicleta modelo CG 150, de placas NOJ 2154, com restrição de roubo.

Segundo Félix, a dupla descia a rua Gurupi em alta velocidade e acabou atropelando uma senhora de idade, de nome não informado, que atravessava a via. “Logo após o acidente, um policial da DERFD vinha logo atrás, então ele percebeu a arma no chão e resolveu abordar a dupla”, explicou o delegado.  Os dois possivelmente se preparavam para cometer assaltos naquela região.

“Os dois falaram que estavam virados, que passaram a noite e amanheceram em uma festa, ficaram rondando e com certeza iriam fazer alguma vítima, talvez em algum estabelecimento ou em um pedestre, mas acabou que eles atropelaram uma senhora idosa e, por sorte, um policial da unidade estava logo atrás e viu o momento em que a arma caiu no chão, então tratou logo de abordar e dar voz de prisão”, explicou Félix.

Conforme o titular da DERFD, foi consultado no sistema da Justiça e constatado que apenas Luiz Fernando possuía processos. Ele responde por um roubo no município de Presidente Figueiredo, no interior do Estado, e estava em liberdade. Os dois foram autuados em flagrante por receptação, por conta da motocicleta com restrição de furto, e porte ilegal de arma de fogo.

Nesta sexta-feira, os dois devem ser conduzidos para uma audiência de custódia, no São Francisco, onde devem ficar à disposição da Justiça. Os dois foram apresentados hoje para a imprensa e não quiserem se pronunciar sobre as acusações da Polícia Civil.

Publicidade
Publicidade