Publicidade
Manaus
Manaus

Dupla suspeita de cometer furtos a lojas de material de construção em Manaus é presa pela polícia

Eles agiam junto com quadrilha geralmente durante a noite ou madrugada e chegaram a levar cerca de R$ 70 mil de uma loja de materiais de construção do bairro São José, Zona Leste 14/10/2014 às 22:42
Show 1
Moacir Alves Pinto, o “Velho Cagão”, é lider da quadrilha e está sendo procurado
ACRITICA.COM ---

Dois homens foram presos pela Polícia Civil do Amazonas por serem apontados como autores de vários furtos a lojas de materiais de construção em Manaus. Wilton Mesquita Chaves, 45, o “Baiano”, e Jairo Martins Souza, 33, foram capturados por policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd).

Furadeiras, maquitas, equipamentos, cabos elétricos e até dinheiro estão entre os itens furtados pela dupla em diversos estabelecimentos comerciais em diferentes zonas da capital. Eles agiam geralmente durante a noite ou madrugada e chegaram a levar cerca de R$ 70 mil de uma loja de materiais de construção do bairro São José, Zona Leste.

As investigações para a prisão deles iniciaram há cerca de 20 dias, quando os proprietários dos estabelecimentos comerciais registraram boletins de ocorrências dos furtos na Derfd. Os empresários ainda cederam imagens das câmeras de segurança, o que auxiliou a identificação e posterior localização dos bandidos.

“Baiano” foi preso na casa dele, no loteamento Castanheiras, Zona Leste da cidade, com 100g de substância com características de maconha, uma balança eletrônica e 14 munições intactas de pistola PT 40 de uso restrito, assim como uniformes do Exército e da Polícia Militar além de um documento de identidade falso com a foto de Wilton.


O comparsa, Jairo, também foi preso em casa, no bairro Grande Vitória, Zona Leste. Com ele foram apreendidos um revólver calibre 38 com seis munições intactas, um gorro e documento de identidade com o nome falso de Adinamar Bento Macedo, com o qual ele se identificava, além de um carro Celta furtado, de cor preta e placa NOX 6638 adulterada.

Conforme o delegado Orlando Amaral, da Derfd, Wilton e Jairo fazem parte de uma quadrilha especializada nessa prática criminosa, que tem entre cinco a seis integrantes e como líder um homem identificado como Moacir Alves Pinto, o “Velho Cagão”. “Os outros envolvidos já foram até reconhecidos”, disse o delegado.

Os dois presos já tem passagem na polícia por roubo e foram autuados em flagrante por formação de quadrilha e uso de documento falso. Wilton também foi autuado por tráfico de drogas e Jairo por posse irregular de arma de fogo. A polícia ainda foi na casa Moacir, mas ele não estava no local. Lá foram apreendidos mais materiais de construção furtados.

*Com informações da assessoria de imprensa

Publicidade
Publicidade