Segunda-feira, 22 de Julho de 2019
'BALÕES DE ENSAIO'

Eleição 2020: mais de 20 pré-candidatos de olho na Prefeitura de Manaus

Sem a possibilidade de formar coligações para a disputa proporcional, a estratégia dos partidos para alavancar votos será a apresentação do maior número possível de candidatos majoritários



ELEI__O_9DF20E91-C4C8-44B5-8B48-79DF87394E8E.JPG Arte: A Crítica
15/06/2019 às 19:12

A pouco mais de um ano do início oficial da campanha para  a Prefeitura de Manaus, mais de duas dezenas de políticos testam pré-candidaturas para a disputa. O grupo abrange figuras com e sem mandato, novatos, veteranos, ex-candidatos, ex-prefeitos, parlamentares recém eleitos. A estratégia de marketing é lançar o nome com antecedência para medir a aceitação popular, prática conhecida no  jargão eleitoral como ‘balão de ensaio’.   

Uma dos personagens dessa corrida é o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), deputado estadual Josué Neto (PSD), que acumula o terceiro mandato à frente da Casa, e o quarto de parlamentar. Questionado sobre o assunto,  ele não confirmou tampouco negou a possibilidade de concorrer. E enviou um vídeo à reportagem no qual fala sobre sonhos. Josué já divulgou que procura uma saída amigável do PSD, do senador Omar Aziz,  para o PTB, onde “caso venha ser candidato, tem o objetivo de garantir o maior número de legendas aliadas possível”. Em 2016, ele foi vice na chapa de Marcelo Ramos, tirando Wilson Lima, hoje governador, do páreo.

A deputada estadual Alessandra Campêlo (MDB), que também faz parte da mesa diretora da ALE-AM, foi apresentada pelo senador Eduardo Braga, durante almoço com jornalistas em meados de maio, como a possível candidata do MDB.

A deputada afirma que atualmente tem como foco apenas o seu mandato de deputada estadual, onde também faz parte de um grupo político de onde podem surgir outros grandes nomes para a eleição ao cargo na prefeitura. “Além do meu nome, também tem o do presidente Josué Neto que é uma excelente escolha”, disse a deputada.

Deputado de oposição no parlamento estadual, Wilker Barreto (Podemos) também tem aparecido em pesquisas voltadas para a disputa de 2020. Por meio de nota, a assessoria o parlamentar disse que ele seguirá a orientação do partido, que ele comanda.

Mistério

O nome do deputado estadual e ex-prefeito de Manaus, Serafim Corrêa (PSB), também aparece  como eventual candidato ao cargo majoritário. Procurado, o parlamentar não quis se pronunciar sobre o assunto por telefone. Em 2016, Serafim alcançou a quinta maior votação no pleito.

Atualmente sem mandato, o ex-presidente da ALE-AM e ex-governador interino David Almeida, costura sua candidatura para o posto hoje ocupado pelo prefeito Artur Neto (PSDB). Por telefone, disse assumiu o comando do Avante no dia 23 de maio deste ano, frisou que apesar de cedo, vem trabalhando no comando da legenda com o intuito de organizá-la a fim de  apresentar um nome para a disputa eleitoral. No ano passado ele disputou o governo.

A lista de pré-candidatos inclui empresário e professor universitário de contabilidade Eduardo Costa, 35, que ano passado disputou o cargo de deputado estadual. Foi tesoureiro PSL. Ele informou que  está sem partido mas  tem conversado PTC, com a possibilidade de também ser vice na chapa de outro candidato. “Estamos conversando e estou analisando as propostas, mas já digo que tenho sim a vontade de disputar a eleição para comandar o Executivo municipal”, disse.

Jorge Atlas da Silva Matos, que também é professor e filiado ao Cidadania, antigo PPS, afirmou que aguarda um posicionamento da legenda, mas garante que existe a possibilidade de ser indicado como candidato à Prefeitura de Manaus.

Estreante

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil no Amazonas (OAB-AM), Marco Aurélio Choy, que recentemente se filiou ao Novo, também confirmou estar avaliando a possibilidade de disputar a eleição pela legenda ano que vem.

Há cinco meses na Câmara Federal,  Capitão Alberto Neto (PRB) disse que no momento está focado no mandato de deputado, mas que tem recebido muitos convites para disputar a eleição municipal por conta de seu bom desempenho na Câmara Federal. “Militar não tem mandato, tem missão. Este é sim um assunto a sem pensado”, disse.

Colega de legenda de Alberto Neto, o veterano Silas Câmara (PRB) é dado como um dos candidatos no próximo ano. Na última disputa municipal, em 2016, ele ficou com a terceira maior votação.

A ex-senadora Vanessa Grazziotin, que já concorreu à prefeita em 2012 levando a disputa para o segundo turno contra o então ex-senador Artur Neto, deve ser o nome do PCdoB para a eleição de próximo ano.

A lista de pré-candidatos tem ainda: Alfredo Nascimento, Marcelo Ramos, Bosco Saraiva, Chico Preto, Romero Reis, Hissa Abrahão, Marcos Rotta (veja acima).

Receba Novidades

* campo obrigatório
News portal1 ebdb60b0 2379 4a72 b3a4 78bbee97fcf7
Repórter do Caderno A do Jornal A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.