Publicidade
Manaus
Manaus

Em Manaus, 16 pessoas são presas com drogas e armas durante operação na Zona Leste

A ação, denominada "Pilar", foi conduzida pelo chefe de Polícia Metropolitana, delegado Emerson Negreiros, e apreendeu maconha, oxi, cocaína e revólveres calibre 38 28/11/2014 às 16:04
Show 1
Até o momento, 16 pessoas foram presas na ação que busca desarticular o tráfico de drogas na Zona Leste
Joana Queiroz Manaus (AM)

Foram apresentadas na manhã desta sexta-feira (28), na sede da 3° Seccional Leste, as primeiras 16 pessoas presas na operação "Pilar", deflagrada pela Policia Civil do Amazonas nos bairros da Zona Leste de Manaus ao longo desta quinta-feira (27). De acordo com a assessoria de imprensa da corporação, a operação tem como objetivo desarticular o tráfico de droga nesses locais.

O nome foi escolhido em alusão aos três meses de investigações para combater o comércio de entorpecentes naquela região da cidade e de outros crimes como roubo, furto e homicídio. A operação policial cumpriu mandados de busca e apreensão e também de prisão. Coordenada pelo chefe de Polícia Metropolitana, delegado Emerson Negreiros, a ação contou com cerca de 60 policiais e oito delegados, que prenderam até a manhã desta sexta-feira (29) pessoas integrantes de quadrilhas distintas envolvidas com o tráfico - entre outros crimes, como roubo e homicídio. 

Pelo crime de tráfico de entorpecentes ilícitos foram indiciados Maria Consuelo do Carmo Silva, que já respondia a três processos pelo mesmo delito; Claudia de Oliveira Coelho; Erick Souza, que responde a dois processos também por tráfico; Elismar Justino da Silva; Mikael Rodrigues Santos; Eder Moreno Moraes, além de porte de arma de fogo; Reginaldo Martins Chaves; e Renato Prado dos Santos.

Também foram detidos Moisés Menezes da Costa, por homicídio; Adriano Ramos Takafaz, por roubo, delito pelo qual já havia cumprido pena; Joabi Farias de Mato, por homicídio e estupro, além de acumular passagens por violência doméstica e furto; Antônio Cardoso dos Santos, por homicídio tentado; Ângelo Antônio Soares de Oliveira, por posse de arma de fogo de uso restrito (já respondia por outro homicídio tentado e tráfico); Vanessa Chau da Silva, por latrocínio e uso de documentos falsos; Thiado Andrade Souza, por porte de arma de fogo de uso restrito; e Jorge Elionay de Jesus Carneiro Filho, indiciado por roubo.

De acordo com as investigações, a grande proporção de drogas que era armazenada nas diversas áreas da Zona Leste, seria distribuída à todas as outras zonas da cidade durante a movimentação de final de ano, e também alimentaria inúmeros pontos de comercialização de entorpecentes.

O saldo das apreensões de material durante a operação foram 40 quilos de maconha, 318 gramas de oxi, 14 "trouxinhas" de cocaína, três revólveres calibre .38, uma motocicleta e R$ 250 em espécie. Todos os Distritos Integrados de Polícia (DIPs) da Zona Leste da cidade estão envolvidos na atuação.

Todos os 16 presos na operação “Pilar de Defesa” continuam nas celas da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), onde serão autuados nos crimes de tráfico de drogas, homicídio qualificado, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito e falsidade ideológica. Após os procedimentos legais cabíveis, serão recolhidos à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde ficarão à disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade