Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2020
SEGURANÇA PÚBLICA

Em seis meses, 1.175 armas de fogo foram apreendidas em Manaus

Entre as armas apreendidas há revólveres, pistolas, espingardas, fuzis e metralhadoras



divulga__o_AB87BF4C-BFD1-41A8-85DB-DBCAB7F469CA.JPG Foto: Divulgação / SSP-AM
20/08/2019 às 10:10

Em seis meses, as forças de Segurança do Amazonas apreenderam 1.175 armas na capital, de acordo com registros do Instituto de Criminalística. Este é o maior volume de armas apreendidas pelas polícias em um primeiro semestre desde 2014. Na comparação com o ano passado, o crescimento foi de 12%.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), com a retirada de armas das mãos de criminosos, as polícias Militar e Civil conseguem responsáveis por crimes violentos como homicídios, latrocínios, os roubos, além do tráfico de drogas.



“A polícia vem intensificando ações para prender esses criminosos armados porque isso enfraquece o tráfico de drogas e gera impactos na redução da violência no geral. Tirando a arma da mão de um assaltante, você consegue diminuir as chances de um cidadão de bem ser ferido ou até morto”, ressaltou o titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações, delegado Guilherme Torres.

Responsável pelo patrulhamento das ruas, a Polícia Militar fez grande parte das apreensões por meio das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) e da Força Tática. Só a Força Tática apreendeu 182 armamentos. “No mês de julho de 2019, o batalhão bateu recorde histórico, sendo registradas 46 apreensões de arma de fogo, e o recorde até então, tinha sido dezembro de 2018 com 42 apreensões”, disse o comandante da Força Tática, major Igor Martins.

Já a Rocam apreendeu 317 armas de fogo, até julho, segundo balanço divulgado pela PM. No período, foram 144 revólveres, 80 pistolas, 84 espingardas, seis fuzis e três metralhadoras. “É preciso ressaltar o papel da população, que tem entendido a responsabilidade dela e vem fazendo denúncias”, acentuou o comandante da Rocam, major Wener Vieira.

Denúncias

A população pode colaborar com o trabalho do sistema de segurança e desarmar esses bandos criminosos. Denúncias anônimas podem ser feitas para o 181, o disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). O serviço é gratuito e funciona 24 horas por dia em todo o Estado.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.