Publicidade
Manaus
Manaus

Empresário acusado de dever R$ 187 mil em pensão para filhos e ex-mulher é preso

A prisão foi uma das várias realizadas pela polícia neste final de ano para coibir o não pagamento de pensão alimentícia 22/12/2014 às 18:08
Show 1
Ele foi capturado por policiais da Delegacia Especializada em Capturas e do Interior (Polinter)
Lucas Jardim Manaus (AM)

Um empresário foi preso na tarde desta segunda-feira (22) acusado de não pagar pensão à ex-mulher e seus dois filhos. A prisão foi uma das várias realizadas pela polícia neste final de ano para coibir o não pagamento de pensão alimentícia, uma das poucas formas de prisão civil remanescentes na legislação brasileira.

De acordo com o delegado Carlos Alberto Alencar de Andrade, da Polícia Especializada em Capturas e Interestadual (Polinter), a operação ‘Leite das Crianças’, realizada na semana passada, efetuou 63 prisões de acusados de não pagar pensão aos filhos. Ele ainda informou que outros 13 acusados procuraram a polícia durante entre os dias 15 e 19 de dezembro, período de realização da operação, para regularizar sua situação e evitar o cárcere.

O empresário preso nesta segunda-feira, Marcelo Kirk Mady Lima, foi encontrado em sua casa e encaminhado à sede do Instituto Médico Legal (IML) para fazer exame de corpo de delito. Segundo o delegado da Polinter, ele já era procurado há, pelo menos, dois meses.

Os advogados Paulo Agner e Maria das Graças Monteiro, que defendem os direitos da ex-mulher e dos filhos de Marcelo, informaram à reportagem que sua dívida já é antiga, datando de 2008. “Quando se separou da mulher, Marcelo tinha ficado com a responsabilidade de pagar uma pensão equivalente a 10 salários-mínimos, que ele nunca pagou. Essa dívida já soma mais de R$ 187 mil reais”, disse Paulo. De acordo com Carlos, ele será encaminhado ainda esta noite à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa, onde ficará à disposição da Justiça.

Publicidade
Publicidade