Sábado, 20 de Julho de 2019
PROCESSO SELETIVO

Entidade abre seleção para profissionais de saúde indígena no AM; salários são de até R$ 10 mil

As contratações serão feitas em regime CLT. Há vagas para o nível técnico e superior



33928883280-df6e2fa582-k_2A1F45A2-F56B-4D22-97C6-69252E73A7E6.jpg Foto: Reprodução/Internet
29/05/2019 às 17:05

Com remunerações que vão de R$ 1,5 mil a R$ 10 mil, a entidade sem fins lucrativos ‘Missão Evangélica Caiuá’ lançou edital para um processo seletivo que visa à contratação de profissionais para atuação com saúde indígena em Lábrea (a 702 km de Manaus). Há 29 vagas para início imediato distribuídas entre o nível técnico e superior, além da realização de cadastro de reserva.

As inscrições vão até o dia 10 de junho e o edital com as informações completas além dos assuntos que irão constar nas provas escritas pode ser encontrado na sede do Distrito Sanitário Especial Indígena do Médio Rio Purus, localizado na rua Travessa Padre Monteiro nº165, Centro de Lábrea, ou aqui.

Para se inscrever, o candidato precisa enviar o currículo vitae em formato PDF anexado para o e-mail processoseletivocaiuamrp@gmail.com, contendo no corpo e no assunto do e-mail o nome completo, função, vaga pretendida e, caso queira se declarar indígena, anexar uma cópia do registro administrativo de nascimento indígena (Rani).

O local e a data das provas objetivas e subjetivas, além da entrevista serão divulgados no dia 24 de junho, no mural do escritório da Missão Evangélica Caiuá, localizado na rua 22 de outubro, Centro do município de Lábrea, e no site da Missão Evangélica Caiuá.

Vagas

Entre os cargos disponíveis para o nível superior estão dez vagas para enfermeiro, duas para farmacêutico, uma para assistente social, além do cadastro de reserva para antropólogo, biólogo, cirurgião dentista, geólogo, engenheiro civil, nutricionista e psicólogo.

Já para os cargos de nível técnico, estão disponíveis oito vagas para técnico de enfermagem, cinco para agente de combate a endemias, três para técnico de saneamento, além do cadastro de reserva para auxiliar de saúde bucal, técnico de saúde bucal e técnico de laboratório.

Com caráter eliminatório e classificatório, o certame compreenderá quatro fases: análise curricular e de títulos feita pela comissão do processo seletivo, seguido de uma prova de conhecimento geral e específico, além da realização de uma entrevista no Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) do Médio Purus, em Lábrea.

Receba Novidades

* campo obrigatório
News pedro01 9f97d6e2 e058 4e63 8ce7 e934cf255a3d
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.