Publicidade
Manaus
Clientes feridos

Escada rolante dá problema e causa acidente com clientes em shopping de Manaus

A escada funcionava normalmente quando parou e jogou todos para frente. Depois, já parada, a estrutura voltou a funcionar e acelerou, arremessando novos clientes uns sobre os outros 10/06/2016 às 14:53 - Atualizado em 10/06/2016 às 17:45
Vinicius Leal Manaus (AM)

Vários clientes ficaram feridos após caírem em uma escada rolante que dá acesso à praça de alimentação do Manauara Shopping, na Zona Centro-Sul de Manaus, no início da tarde desta sexta-feira (10). A estrutura apresentou problemas pelo menos duas vezes e derrubou pessoas que desciam do piso G3 para o piso G1.

A assessoria de comunicação do centro de compras já se pronunciou sobre o caso e confirmou sete vítimas. Segundo relatos de uma das vítimas e de uma testemunha, a escada funcionava normalmente quando travou e parou, de repente, jogando os ocupantes para frente até o chão, uns sobre os outros. Depois, já quando estava parada, a estrutura voltou a funcionar e acelerou subitamente, arremessando novos clientes.

“Eu estava no primeiro andar (ainda no G4) já pra descer para praça de alimentação (do G3 para o G1) quando ouvi os gritos. Ela acelerou e parou repentinamente jogando essas primeiras pessoas”, contou o autônomo Antônio Filho, de 42 anos, vítima já do segundo acidente com a escada. Segundo ele, o primeiro caso fez mais vítimas.

“As pessoas caíram uma sobre a outra no primeiro (acidente) porque tinha mais pessoas. Tinha gente sangrando, que se cortou. Uma senhora quebrou a cabeça, uma criança caiu de peito no chão já fora da escada. Foi aquela agonia”, disse Antônio. “Teve uma senhora que se ralou feio no braço, no joelho, porque era uma idosa. Foi uma acelerada forte”.

O funcionário público Pablo Geovanni estava almoçando com a esposa e a filha na praça de alimentação e viu tudo. “Ouvi um barulho alto e olhei para a escada. Parecia uma montanha-russa, várias pessoas descendo, sendo arremessadas para baixo. Foi um fato muito triste de se ver porque tinha crianças, idosos. A gente vendo eles sendo machucados e as pessoas sendo jogadas”, contou Geovanni.

2º acidente

De acordo com o relato da vítima Antônio Filho, após o primeiro acidente a escada ficou parada, mas as pessoas continuaram descendo, quando aconteceu de novo. “Eles não bloquearam a escada. Eu ia descendo e aí o segurança disse que a estava normal (parada e acessível), isso depois do primeiro acidente. Disseram que estava liberada e então eu desci junto de mais duas mulheres. A escada parada e, no meio, acelerou. Foi uma sensação horrível. Acelerou repentinamente. Eu me segurei muito forte”, contou Antônio.

Conforme o autônomo, o agente de segurança do shopping desceu junto e também se acidentou. “Ele (segurança) desceu comigo quando a escada ‘desenbestou’. Acelerou do nada e parou. Uma acelerada muito forte. Jogou todos. Eu estava no meio da escada. Só estava o segurança atrás de mim. Elas (duas mulheres) saíram rolando na escada, bateram a cabeça e o segurança voou atrás de mim. Eu me segurei forte e dei de peito na lateral da escada. Me agachei (sic) um pouco se não eu tinha caído do meio da escada”.

Segurança

O funcionário público Pablo Geovanni criticou a atitude do agente segurança em não bloquear a escada após o primeiro acidente. “O que deixa a gente preocupado é que somos usuários do shopping. Aconteceu isso e nenhum segurança subiu para tomar as cautelas, para não deixar nenhuma outra pessoa continuar descendo as escadas”, disse.

“Os seguranças não bloquearam e todos continuaram descendo. Aí aconteceu novamente o fato, outras pessoas foram arremessadas por falta de precaução na parte superior da escada. Ela disparou à velocidade máxima. Ligou repentinamente e depois freou repentinamente. Algumas pessoas voaram. Muito triste de se ver”, relatou o funcionário público.

As vítimas

O Manauara Shopping confirmou sete vítimas do acidente. Todos foram socorridos e levados a unidades de saúde. “Uma senhora passou mal e levaram ela pro hospital. As outras pessoas eu não sei. Os bombeiros chegaram perguntando (ajudando). Uma mulher ficou quase com o pé preso”, contou o autônomo Antônio Filho.

Shopping

A assessoria de imprensa do shopping informou, por meio de nota, “que está prestando atendimento aos sete clientes que sofreram leves escoriações e que os mesmos passam bem”. A administração do centro de compras disse, ainda, “que já está investigando as causas do incidente e que a escada rolante está temporariamente isolada”.

Denúncia

O autônomo Antônio Paulo, uma das vítimas, disse que vai fazer um Boletim de Ocorrência pelo constrangimento que passou. “Se eu estivesse com a minha filha poderia ter acontecido um acidente pior. Eu não teria como me segurar e segurar uma criança de 6 anos. Sempre levo minha filha ao shopping na sexta de tarde”, disse. 

A reportagem não confirmou se o acidente será investigado por autoridades públicas.

Publicidade
Publicidade