Publicidade
Manaus
Manaus

Esquema de segurança durante o Boi Manaus 2013 servirá como teste para a Copa

Delimitação de perímetro de segurança, instalação de Centros de Comando e Controle e integração dos órgãos envolvidos serão usados nos próximos dias 25 e 26 de outubro como teste para a Copa do Mundo da Fifa, em 2014 22/10/2013 às 18:31
Show 1
Esquema de segurança durante Boi Manaus irá alterar fluxo de vias - autoridades visam a Copa do Mundo
acritica.com* Manaus (AM)

A Comissão Estadual de Segurança Pública para Grandes Eventos (Csige) apresentou, na manhã desta terça-feira (22), o Plano Integrado de Segurança para o Boi Manaus 2013, que será um evento-teste para os órgãos de segurança com vistas à realização da Copa do Mundo da Fifa no próximo ano em Manaus.

A operação contará com mais de 1,3 mil servidores, sendo 550 homens das Polícias Militar, Civil e Corpo de Bombeiros, interdição de ruas nos perímetros de segurança e monitoramento por câmeras de segurança dentro do Sambódromo.

O planejamento foi desenvolvido pelos órgãos que fazem parte da Csige e da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP), além de reunir instituições como as Polícias Militar, Civil e Federal, Manaustrans, Forças Armadas, Gabinete Militar da Prefeitura, Manauscult, Corpo de Bombeiros e Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP COPA).

O secretário da SSP, coronel Paulo Roberto Vital, destacou que o modelo de segurança a ser implementado para o evento, que será realizado nos dias 25 e 26 de outubro, já vem sendo testado desde 2011 no Festival Folclórico de Parintins. “A última operação realizada em Parintins, que também serviu de teste para a Copa, foi um sucesso, e contou inclusive com a aprovação de 90% das pessoas que participaram do evento”, destacou Vital.

O coordenador da UGP COPA, Miguel Capobiango Neto destacou a importância da integração e emprego dos recursos disponíveis para a Segurança Pública. “Todas as preocupações no planejamento, nas previsões, nos ensaios que temos feito com toda a equipe de segurança do Estado e da Prefeitura, e agora agregando as Forças Armadas, são importantes nesse processo que é fundamental para nós”, disse Capobiango.

Pela Prefeitura de Manaus, o secretário da Casa Militar, coronel Fernando Farias, afirmou que o município irá atuar no evento com mais de 800 servidores entre guardas civis, fiscais e servidores de nove secretarias envolvidas na produção e organização do evento. “Este ano, haverá revista das pessoas que acessarem a área do Centro de Convenções. Será feita uma triagem a partir da área de isolamento na Avenida Pedro Teixeira e abordagem das pessoas que carregam bolsas para verificar a existência de objetos perigosos”, afirmou o secretário.

Operação Integrada 

O coordenador da Csige, coronel Dan Câmara, explicou que o modelo de Segurança a ser empregado no Boi Manaus 2013 é baseado na integração das instituições e no princípio da liderança situacional, em que os órgãos assumem a liderança da atuação de acordo com a natureza da ocorrência. “A nossa intenção é desenvolver uma operação integrada, na qual todos os órgãos envolvidos no planejamento consigam enxergar o plano do outro. Com isso, nós otimizamos o emprego dos recursos e entregamos serviços de excelência à sociedade”, enfatizou Câmara.


A Operação também conta com ações da Marinha, Exército e Aeronáutica, que de acordo com o general Franklimberg Ribeiro, chefe do Centro de Operações do Comando Militar da Amazônia (CMA), mobilizarão cerca de 700 homens nas ações planejadas no exercício. “É a primeira vez que as Forças Armadas treinam juntas em âmbito estadual. Para nós é motivo de muito orgulho contribuímos para o sucesso do evento”, declarou o general.

Um Centro de Comando e Controle Regional (CICC-R) será montado no Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), a partir das 14h nos dias 25 e 26. Toda a estrutura do Ciops, inclusive os atendimentos pelo 190, 193 e Central de Monitoramento, estará de prontidão para qualquer eventualidade.

O Centro de Comando e Controle Local (CICC-L) será instalado no Sambódromo a partir das 15h, nos dois dias. Lá também haverá representantes de todos os órgãos integrantes da festa. Na sala operacional funcionará uma Central de Monitoramento das sete câmeras que serão instaladas em vários pontos do Sambódromo. Mais 12 câmeras estarão funcionando dentro da área do perímetro de interesse da Segurança Pública.

Manaustrans alerta para interdições

Durante o Boi Manaus, o Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) atuará com um efetivo de 256 agentes de trânsito, que irão controlar o tráfego de veículos e de pedestres durante os dois de festa (25 e 26 de outubro).

Nos dias de eventos, o órgão informa que a avenida Pedro Teixeira, no trecho entre a Constantino Nery e a avenida Francisco Orellana (em frente ao Hospital Tropical), será interditada a partir das 16 horas. As ruas Belmiro Vianez e Alameda do Samba ficarão restritas para estacionamento de veículos credenciados .

O trecho da Pedro Teixeira, entre a Constantino Nery e a Djalma Batista, será interditado a partir das 18 horas. As avenidas Constantino Nery e Djalma não serão fechadas. A circulação será normal, inclusive para o transporte coletivo que passa a ser uma boa opção para quem se dirige ao Sambódromo.

Uma das opções de acesso para sair da zona Centro Oeste (bairro Dom Pedro) deve ser a rua Francisco Orellana,  que dá acesso a avenida Loris Cordovil. Para entrar na zona centro oeste, o condutor pode utilizar a Loris Cordovil, Teomário Pinto da Costa e a Desembargador João Machado (antiga Estrada dos Franceses).

*Com informações da assessoria de imprensa da UGP Copa

Publicidade
Publicidade