Terça-feira, 24 de Setembro de 2019
Manaus

‘Esquenta’ mobiliza cursos no Amazonas

Estado será a sede dos congressos científicos da região e do País e, por isso, universitários estão brigando por prêmios



1.jpg Universitários de cursos da área de Comunicação Social participam da mobilização que escolherá trabalhos científicos para serem apresentados no congresso da Intercom
01/03/2013 às 09:12

Universitários dos cursos de Comunicação Social do Amazonas iniciam nesta sexta-feira (1º) uma disputa que dará aos vencedores a mais importante premiação nacional dedicada a novos talentos universitários. Estão abertas até dia 30 deste mês as inscrições para a Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom), promovida pela Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).

Para marcar o início da disputa e a preparação para os congressos da Intercom, todos os cursos realizarão um evento de “esquenta” para mobilizar seus alunos. A competição ocorre em duas fases, uma regional e outra nacional. No primeiro semestre, são escolhidos os vencedores de cada região e em setembro, durante o congresso nacional da Intercom, eles se enfrentam para ver quem leva o prêmio nacional. “A Expocom completa este ano 29 anos de existência e se consolidou como a principal vitrine de talentos para o mercado de trabalho. Quem leva um troféu já chega com vantagem na briga por um lugar no mercado”, diz a coordenadora nacional da Expocom, Marialva Carlos Barbosa.

Amazonas
Em Manaus, os cursos de comunicação vêm se preparando para disputar a premiação desde o ano passado. “Em 2012 o Amazonas conquistou 22 prêmios regionais e dois nacionais. Em 2013, como o congresso regional Norte e o nacional serão em Manaus, as universidades estão mobilizando seus alunos para superar esta marca, pois ter alunos premiados também virou um forte indicador da qualidade dos cursos”, afirma o coordenador do congresso nacional da Intercom, Allan Rodrigues.

Alunos de Jornalismo, Publicidade, Relações Públicas, Rádio e TV e Cinema e Audiovisual de todo o País participam da competição em busca de reconhecimento e um diferencial na hora disputar uma vaga no mercado de trabalho. “A Expocom marcou minha carreira acadêmica e serviu para que eu percebesse o papel da universidade de promover a inovação. Este ano estarei concorrendo de novo”, conta o acadêmico de jornalismo da Universidade Federal do Amazonas e vencedor de dois prêmios regionais, Huylame Bruce.

Participação
Para participar da Expocom o aluno precisa que a coordenação de curso indique seu trabalho como representante do seu curso. O prazo para realizar esta indicação no site da Intercom (www.intercom.org.br) vai de hoje até o dia 30 e os alunos tem até dia 04 de abril para enviarem seus trabalhos. O regulamento do prêmio também está disponível no site da entidade.

O número de Estudantes, professores e profissionais da Comunicação Social esperados no Congresso Nacional da Intercom, em setembro, em Manaus, chega a 4 mil. Destes, pelo menos, mil são da Região Norte.Divulgação/IntercomUniversitários de cursos da área da Comunicação Social participam, a partir de hoje, de mobilização que escolherá trabalhos científicos para serem apresentados no congresso da Intercom

FMF e Ufam serão as sedes locais
A Exposição de Pesquisa Experimental em Comunicação (Expocom), promovida pela Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), ocorre durante os congressos regionais e nacionais da sociedade e para participar é preciso estar inscrito neles.

Neste ano, a Faculdade Martha Falcão (FMF) sediará de 1 a 3 de maio o Intercom Norte e a Universidade Fedeal do Amazonas (Ufam) será a sede do congresso nacional, que acontecerá no período de 4 a 7 de setembro. “Todos os cursos de comunicação do Amazonas estão trabalhando juntos para que o Estado e a Região sejam protagonistas destes congressos, pois são neles que a produção científica e experimental em comunicação no País é refletida”, diz o coordenador do congresso nacional, Allan Rodrigues.

Os coordenadores de curso de comunicação esperam que a realização dos congressos em Manaus aumente a participação dos acadêmicos. “Sempre enfrentamos o desafio de nos deslocar para outros Estados com altos custos de passagens aéreas e muitos alunos acabam não indo. Este ano, seremos sede dos dois congressos e estaremos com força total para mostrar o talento e a competência dos nossos alunos”, afirma a coordenadora dos cursos de comunicação da FMF, Grace Soares Costa.



Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.