Terça-feira, 21 de Maio de 2019
FORMAÇÃO

Estudantes da Ufam e UEA vão estagiar na Prefeitura em programa com 2 mil vagas

Com o convênio, as universidades deverão indicar os alunos participantes, que ficarão sob a orientação de professores e servidores municipais



alunos-ufam-manaus_B19E848B-0202-435D-B445-C5046D332DB0.JPG
Foto: Reprodução/Internet
18/01/2019 às 19:03

A Prefeitura de Manaus firmou convênio com a Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) para ampliar em até 2 mil vagas o seu Programa de Estágio em 2019 para alunos de cursos de graduação.

Segundo secretário-chefe da Casa Civil, Arthur Bisneto, esse convênio, de estágio não remunerado, foi firmado para ser contínuo, com a garantia de permanecer mesmo quando ocorrer a troca de prefeito. Com o convênio, será possível o ingresso ao estágio obrigatório para aproximadamente 2 mil novos alunos de graduação das duas universidades, junto à Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Administração (Semad), coordenadora do Programa Municipal de Estágio.

A parceria vem sendo alinhada desde o ano passado e não acarretará ônus para o município, permitindo a complementação da formação dos estudantes participantes, a partir do segundo semestre.

“Já vínhamos com uma boa parceria com as universidade particulares e agora ampliamos as vagas com as universidades públicas. Agora praticamente dobramos o número de estagiários oferecendo essas duas mil vagas para todos os cursos disponibilizados pela Ufam e UEA”, explicou o secretário de Administração, Lucas Bandieira, ao lembrar que a prefeitura já possui 2.218 estagiários remunerados.

Como funciona

As universidades deverão indicar os alunos participantes, que ficarão sob a orientação de professores e servidores municipais. A carga horária é de 20 a 30 horas semanais, com contrato de seis meses, prorrogáveis por até dois anos, detalhes definidos de acordo com as disciplinas de estágio cursadas pelos estudantes e ajustadas pela Supervisão Geral de Estágio da Semad, que deverá alocar os estagiários em setores das secretarias municipais.

Segundo o reitor da UEA, Cleinaldo Costa, essa demanda já existe de acordo com a obrigatoriedade de estágio de cada curso. “Esse convênio alicerça um momento importante para os nossos alunos. A medida que esses alunos adentram às disciplinas profissionalizantes necessariamente precisarão de estágio que agora está sendo ofertado pela prefeitura”, explicou o reitor.

O convênio com a Ufam tem duração total de cinco anos. São 117 cursos de graduação, que possuem como pré-requisito para conclusão o cumprimento de estágio curricular obrigatório. Na Prefeitura de Manaus, o universitário poderá aliar teoria e prática, conhecendo as particularidades da administração pública.

“Essa parceria é importantíssima, visto que na universidade o aluno aprende a parte teórica e, próximo ao final do curso, ele tem a oportunidade de experimentar a prática, que a prefeitura está oferecendo com o estágio, e isso é essencial para a sua formação”, disse o vice-reitor da Ufam, Jacob Cohen.

Com a UEA, por meio de Termo de Cooperação Técnica, com vigência também de cinco anos, até 1 mil estudantes poderão desenvolver suas atividades de estágio obrigatório na estrutura municipal. Alunos de 47 cursos devem participar do projeto por meio da parceria firmada.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.