Publicidade
Manaus
DISCO XEPA

Evento 'Disco Xepa' quer conscientizar sobre o desperdício de alimentos no Centro

Frutas, verduras e outros alimentos foram resgatados nos últimos dois dias nas feiras da cidade e serão transformados em pratos e sucos para o evento 28/04/2017 às 05:00
Show 823697
(Foto: Arquivo AC)
Lídia Ferreira Manaus (AM)

Todos os dias mais de 90 toneladas de alimentos saem das feiras vão parar no lixo em Manaus. Pelo menos 70% delas podem ir para mesa, serem transformadas em refeições e sucos. É o que o movimento SlowFood garante e ainda vai mostrar na prática no evento “Disco Xepa”, realizado neste amanhã, das 8h às 16h, no Mercado Adolpho Lisboa, Centro.

Frutas, verduras e outros alimentos foram resgatados nos últimos dois dias nas feiras da cidade e serão transformados em pratos e sucos para o evento. O público poderá degustar de forma gratuita durante toda a “Disco Xepa”, que terá também música e aulas de culinária. “Queremos conscientizar as pessoas que é possível aproveitar muitos alimentos que não estão esteticamente no padrão de venda, mas que estão bons e saudáveis para o consumo. Outro ponto é a utilização de talos, cascas e até algumas sementes que são ricas em nutrientes e as pessoas geralmente jogam fora”, destaca uma das organizadoras, Jenifer Ferraz Sampaio, 21.

Coletar, higienizar, cortar e cozinhar os alimentos da “xepa” são ações que serão demonstradas pelos 25 organizadores do evento, todos voluntários e com profissões distintas, na maioria ligadas a área gastronômica, como nutricionistas, técnicos em alimentação e chefs de cozinha.É a segunda vez que Manaus integra a programação relizada simultaneamente em 33 países”, completa Jenifer.

De acordo com ela, a quantidade desperdiçada nas feiras de Manaus é alta e, por isso, o movimento mundial SlowFood realiza diversas ações nesses locais, especialmente com os feirantes. “Nosso foco é alimentação saudável sem desperdício. Também trabalhamos muito com agricultores que às vezes que um execesso de produção que não vende e estraga. Ensinamos técnicas para transformar em outros produtos”, comenta. Um total de 50 voluntários do Amazonas  participam ativamente do grupo, reativado há dois anos

A feira ‘campeã’

 Entre as feiras de Manaus, quem lidera o ranking do desperdício alimentar  é a Feira da Banana, no centro da cidade. Todos os dias  são descartadas 8,6 toneladas de alimentos, entre frutas e verduras.Por ano, são 3 mil toneladas de alimentos jogados no lixo.

Na sequência vem a  Feira da Panair, no bairro do Educandos, seguida da Feira da Manaus Moderna, no centro da cidade.  Os dados são da Secretaria Municipal de Limpeza Pública (Semulsp).

 Parcerias

Entre os parceiros do projeto estão o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTIC), por meio do Laboratório de Nutrição, além de bolsistas e ex-alunos dos cursos de pós-graduação de Botânica, Ciências em Florestas Tropicaise de Agricultura no Trópico Úmido , Sesc Mesa Brasil, CONSEA AM (Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional do AM), REMA (Rede Maniva de Agroecologia),  UEA e As Clarissas.

Em números

90 toneladas de alimentos de 40 feiras de Manaus são jogadas  no lixo todos os dias, segundo a Semulsp. No mundo inteiro, são 1,3 bilhão de toneladas, segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FOA)

Publicidade
Publicidade