Publicidade
Manaus
ESTADO GRAVE

Ex-candidata a Miss Amazonas esfaqueada no carnaval segue em estado grave

Não houve melhora no quadro de saúde da modelo Mabel Cristina dos Santos, de 25 anos. O amigo dela também continua internado, mas estável 27/02/2019 às 12:09 - Atualizado em 27/02/2019 às 12:10
Show 29571015 623742924633087 3997181548754882139 n 7d8ffcac e743 4bc1 8a5b 1fa4fbc9fc5b
Foto: Reprodução/Facebook
acritica.com Manaus (AM)

A modelo e ex-candidata ao Miss Amazonas, Mabel Cristina Oliveira dos Santos, de 25 anos, que foi esfaqueada no último final de semana durante um assalto em um bloco de carnaval de Manaus, segue internada em estado geral grave no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, em Manaus. Não houve melhora no quadro de saúde dela.

Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), a direção do hospital informou que a paciente passou por cirurgia e continua hospitalizada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), respirando com a ajuda de aparelhos. A jovem pegou uma facada no abdômen após reagir ao assalto. “Seu estado geral é grave”, informou o órgão.

O amigo da modelo, Felipe do Carmo, 27, também foi esfaqueado durante o assalto. Ele foi atingido na região do tórax e na mão direita e segue internado, mas com quadro de saúde estável. “(Ele) teve melhora e foi transferido para um leito comum, onde segue recebendo tratamento. Seu quadro geral é estável”, divulgou a Susam.

Esfaqueados no carnaval

A modelo Mabel Cristina e o amigo Felipe do Carmo foram esfaqueados na noite de domingo (24) quando saíam da Banda do Boulevard, um dos mais tradicionais blocos carnavalescos de Manaus. O suspeito do crime, o venezuelano Ernesto Caldeira Rodrigues, foi preso.

Segundo a polícia, a modelo e o amigo usavam um celular para tirar uma foto quando Ernesto tentou tomar o aparelho. Mabel reagiu e o venezuelano desferiu facadas nas duas vítimas. Após o crime, o homem ainda tentou fugir entrando em um táxi, mas logo a Polícia Militar abordou o veículo e conseguiu prendê-lo. Ele foi indiciado por latrocínio tentado.

Publicidade
Publicidade