Domingo, 21 de Julho de 2019
MARINHA

Exposição dos fuzileiros navais recebe 3 mil pessoas no Parque do Mindu, em Manaus

Evento deste domingo (11) aconteceu em comemoração ao aniversário de 210 anos do Corpo de Fuzileiros Navais, a tropa de terra da Marinha do Brasil



mindu.JPG Foto: Jair Araújo
11/03/2018 às 14:12

A exposição dos fuzileiros navais, no Parque do Mindu, na Zona Centro-Sul de Manaus, recebeu um total de três mil pessoas, entre crianças e adultos na manhã deste domingo (11) e se estendeu até as 14h. O evento aconteceu em comemoração ao aniversário de 210 anos do Corpo de Fuzileiros Navais. “A importância desse evento é mostrar para a população de Manaus que nós somos parte intrínseca da sociedade. Os nossos objetivos de defesa da pátria se coadunam e estão totalmente inseridos nos objetivos da nossa população”, disse o Comandante do 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas, CF Marcelo Mendes.

O comandante explica que os fuzileiros são a tropa de terra da Marinha e atuam diretamente com órgãos federais, estaduais e municipais na defesa da pátria e na segurança da população. “A atuação conjunta dos navios, fuzileiros navais e helicópteros é o fator de sucesso das nossas operações em todo o Estado do Amazonas, Roraima, Acre e Rondônia”, esclareceu.

O fuzileiro está presente em todas as ações da Marinha que precisem de segurança, segundo Mendes. “O trabalho dos fuzileiros consiste, basicamente, em segurança. Nós somos especialistas no emprego de armas. Por sermos tropa de Terra, voltados especificamente com esse treinamento em operações ribeirinhas e operações de selva”, ressaltou.

Aproveitando a folga, o fuzileiro naval suboficial Monte, levou a família para conhecer um pouco do dia a dia da profissão que exerce. “Apesar de serem meus filhos, eles não têm esse convívio de saber como funcionam os equipamentos”, disse.


Foto: Jair Araújo

A diretora Clene Ferreira Alves da Escola Estadual Almirante Ernesto de Mello Baptista, localizada na Vila Buriti, acompanhou aproximadamente 25 alunos durante a visitação. “O nosso objetivo é que eles ingressem e tenham amor pela Marinha. Nós trabalhamos de uma forma que eles entendam o trabalho da marinha, a importância da marinha para o Brasil e conheçam várias organizações militares”, contou.

Para o chefe de turma, Caio Correia, 14, a experiência faz com que tenham contato com a profissão que um dia podem vir a seguir. “É muito bom aprender sobre a Marinha, fora que passeamos também”, destacou.

Local da exposição tem siginifcado especial

O Parque do Mindu foi escolhido para receber o evento pelo fato de que há 20 anos foi inaugurada no local uma placa em comemoração à época do aniversário dos fuzileiros navais. Na ocasião, o grupamento dos fuzileiros navais de Manaus era gerido pelo comandante Aita.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.