Quinta-feira, 18 de Julho de 2019
INVESTIMENTO

Fabricante de ar-condicionado, Gree Eletric anuncia construção de unidade em Manaus

Plano de expansão da empresa deve ser concluído em 2019. Na chegada ao Polo Industrial, Gree pretende diversificar linha de produtos e instalar novo laboratório



gree.jpg Foto: Reprodução/Internet
02/08/2018 às 18:31

A Gree Electric Appliances, uma das maiores empresa fabricante de ar-condicionado do mundo e uma das maiores do País – deu início ao investimento para construção de uma nova fábrica no Brasil, localizada no Polo Industrial de Manaus. A nova unidade duplicará a capacidade de produção de condicionadores de ar, atualmente de 500 mil unidades/ano.

O plano de expansão da Gree inclui também a diversificação da linha de produtos, com o lançamento de 23 utilidades domésticas, como umidificadores, panelas elétricas e ventiladores. O projeto de expansão da capacidade da empresa será concluído em 2019, e está alinhado ao crescimento da empresa no País. A estimativa de quantos empregos serão gerados com a chegada da empresa a Manaus ainda não foi divulgada.

Em 2017, a Gree faturou R$ 300 milhões no Brasil, com um incremento de 25% da receita em relação a 2016, ano em que, na contramão da recessão econômica, cresceu 60% em volume de vendas.

Ronad Wang, Diretor Executivo da Gree do Brasil, destaca que a previsão, em 2018, é de crescimento de 30% em receita das vendas no mercado brasileiro, mantendo o bom desempenho registrado nos dois últimos anos e também acompanhando o ritmo previsto para as vendas globais da companhia no período.

“Temos o melhor produto do mundo, e queremos estar mais próximo do consumidor brasileiro. Por isso, estamos investindo na ampliação da capacidade produtiva”, conta Alex Chen, Diretor Comercial Nacional da Gree do Brasil, ao destacar que, além da China, onde possui oito fábricas, o Brasil e o Paquistão são os únicos países em que a Gree opera unidades locais de produção.

Entre os fatores que têm impulsionado as vendas no País, ele destaca o lançamento de produtos com design moderno e alinhado às tendências de mercado e de alta qualidade, que é a característica da marca.

Laboratório em Manaus

A Gree também vai instalar um novo e sofisticado laboratório em Manaus, a fim de realizar ensaios completos de produtos. “A construção deste laboratório ampliará nossa estrutura de avaliação da qualidade dos produtos, dentro do compromisso da Gree de oferecer o melhor produto do mercado”, diz Alex Chen, ao destacar que a operação também conta com um serviço de inspeção independente na linha de montagem, para verificar todos os itens e garantir a imparcialidade na verificação do processo.

Empresa

No Brasil, a Gree tem 500 funcionários, enquanto em todo o mundo são cerca de 80 mil colaboradores, dos quais 12 mil são engenheiros que atuam no departamento de pesquisa e desenvolvimento de produtos e nos 700 laboratórios da empresa.

A matriz da Gree na China fabrica localmente outros produtos além de condicionadores de ar, como celulares e produtos de home appliance, e, desde 2012, produz também robôs para automação da produção, semelhantes aos da indústria automobilística. Utilizados nas próprias fábricas da Gree na China e no Brasil, os robôs também são comercializados no mercado chinês.

No Brasil, além do lançamento de produtos da linha de home appliance, a Gree prevê trazer outros produtos fabricados na China da linha de condicionadores de ar, como os portáteis, condicionadores do tipo janela, piso-teto e de grande porte voltados ao mercado comercial, incluindo um de geração fotovoltaica.

Atualmente, a empresa produz no Brasil dois tipos de aparelhos split - os demais são importados diretamente pelos clientes e homologados pela Gree. Hoje a empresa conta com 700 revendas credenciadas e assistências técnicas em todo o Brasil.

*Com informações da assessoria de imprensa.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.