Publicidade
Manaus
Manaus

Falha na segurança: Condomínio de luxo é alvo de assaltantes em Manaus

As câmeras de monitoramento do condomínio registraram três homens, aparentemente três adolescentes, entrando a pé pela guarita do condomínio onde mora o o governador Omar Aziz 06/07/2013 às 10:10
Show 1
Segurança da portaria do condomínio é considerada uma das mais rígidas e ainda assim foi quebrada
Joana Queiroz ---

Três mansões do luxuoso condomínio Ephigênio Salles, localizado na avenida que leva o mesmo nome, bairro Aleixo, Zona Centro- Sul, foram alvos de criminosos na última quarta-feira. Elas foram arrombadas e os ladrões levaram jóias e pequenos objetos de valor. Uma das vítimas, que pediu para não ter o nome divulgado, disse que foi uma falha na segurança que facilitou os assaltos, e que isto será corrigido. O caso foi registrado na Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD).

De acordo com informações de moradores, os arrombamentos aconteceram na tarde de quarta-feira, por volta das 15h. As câmeras de monitoramento  do condomínio registraram três homens, aparentemente três adolescentes, entrando a pé pela guarita do condomínio com mochilas nas costas e, duas horas depois, registrou a saída deles também pela guarita.

Ainda de acordo com informações de moradores, duas das mansões estão localizadas na alameda Ephigênio Salles. Os criminosos entraram nas casas e furtaram objetos pequenos como jóias, telefones celulares, tabletes e netbooks. Todos os objetos foram colocados nas mochilas e eles saíram pela portaria da mesma forma como entraram, sem serem incomodados.

O que os moradores querem saber é como foi que os criminosos conseguiram passar pela  segurança do condomínio, que é considerada uma das mais seguras - e onde está localizada a residência do governador Omar Aziz, que tem segurança militar. Além de cerca elétrica no alto da muralha, que cerca todo o condomínio, há câmeras de monitoramento e segurança motorizada que fica circulando 24 horas por todas as ruas do condomínio fechado. 

Pequenos furtos

Uma das vítimas, que também não quis ter o nome revelado, disse que foram cometidos pequenos frutos. “Acredito que tenha sido uma pequena falha da segurança. O local é um dos mais seguros da cidade, onde eu consigo dormir de janelas abertas. Apesar do que aconteceu vou continuar me sentindo seguro na minha casa”, disse a vítima à reportagem. 

Ontem, o chefe da segurança  do condomínio, Célio Pimenta, preferiu não falar sobre os arrombamentos. “Tudo o que aconteceu aqui já foi passado para a polícia”, disse. O delegado Orlando Amaral, da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), confirmou que o furto foi registrado na especializada, mas preferiu não falar sobre o caso, informando que ainda está começando as investigações. “Tudo que falarmos agora poderá atrapalhar as investigações”, disse Amaral.

Publicidade
Publicidade