Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019
Manaus

Falso missionário é preso acusado de estupro de vulnerável no interior do Amazonas

O acusado confessou que se passava por missionário de uma igreja evangélica para aliciar as garotas e induzi-las a manter relações sexuais com ele para serem "purificadas"



1.jpg O crime aconteceu no município de Apuí
20/02/2013 às 20:54

Gilmar de Jesus Assunção, 23, foi preso na última terça-feira (19), acusado de abusar sexualmente de uma adolescente de 14 anos e tocar nas partes íntimas de uma jovem de 18 anos. Os crimes ocorreram no município de Apuí (a 453 quilômetros de Manaus). As informações foram repassadas pela polícia nesta quarta-feira (20).

O homem foi preso após a mãe das vítimas denunciar o caso à polícia. De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Civil, o acusado confessou que se passava por missionário de uma igreja evangélica para aliciar as garotas e induzi-las a manter relações sexuais com ele, para supostamente serem "purificadas". A polícia está investigando se o homem fez outras vítimas no local.



Gilmar foi detido e encaminhado ao DIP, onde foi feito o auto de flagrante por Abuso Sexual e Estupro de Vulnerável. Ele já responde pelos mesmos crimes na cidade de Sena Madureira no estado do Acre. Ele ficará preso em Apuí à disposição da Justiça.

*Com informações de assessoria (PCAM)


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.