Sábado, 07 de Dezembro de 2019
MERCADO IMOBILIÁRIO

Feira em Manaus disponibiliza mais de 3,8 mil imóveis para venda

4ª Feira de Imóveis de Manaus ocorre de 27 a 29 de setembro, no Estacionamento G3 do Millennium Shopping. Evento conta ainda com 19 lançamentos



---_84111D74-25D4-4EA5-8986-E6EC40BB02B2.JPG Foto: Junio Matos/Freelancer
16/09/2019 às 18:55

Dezenove lançamentos e mais de 3,8 mil imóveis estarão disponíveis para venda na 4ª Feira de Imóveis de Manaus, que ocorre nos dias 27, 28 e 29 de setembro, no Estacionamento G3 do Millennium Shopping. Com unidades no valor mínimo de R$ 106 mil, os representantes da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário no Estado do Amazonas (Ademi- AM) e Caixa Econômica Federal ressaltam que não é uma feira popular, mas uma feira para atender às necessidades das pessoas.

Na Feira é possível encontrar imóveis na planta, novos e usados. Para fazer simulações é necessário que o interessado apresente documento de identidade, CPF, comprovante de renda e residência.  Além disso, mais de uma pessoa pode compor a renda família e com isso aumentar a chance de aquisição.



A Feira conta com condições diferenciadas como entrada facilitada, 35 anos para pagar o imóvel, taxas de 2,95% e o uso do FGTS. De acordo com o Alderglan Teles, gerente regional de construção da Caixa Econômica, o poder de comprar é do cliente. 

“Quando eu tenho uma taxa de juros menor, eu consigo com o mesmo valor de parcela comprar um imóvel de valor maior, ou pagar uma parcela maior. Essa é uma decisão que cliente toma. ‘Eu quero comprometer mais a minha renda ou quero comprar um imóvel que vai comportar minha família com mais tranqüilidade? ’”, diz. 

Hélio Alexandre, vice-presidente da Ademi, destaca que as quase 4 mil unidades estão espalhadas por toda a capital e também em Iranduba, na Região Metropolitana. “Manaus tem 63 bairros, o mercado imobiliário já alcança por volta de 25 bairros. Isso mostra o quanto a cidade está crescendo, então, o imóvel vai ao encontro das pessoas. Aquela coisa de morar perto do trabalho, perto da família, com mobilidade urbana em volta, com escola, supermercado. Custa um pouco mais caro, mas a velocidade de venda é maior”,  afirma.

Na sexta-feira a Feira de Imóveis começa às 16h, e no sábado e domingo começa às 10h. Nos três dias o encerramento ocorre às 21h.

Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.