Publicidade
Manaus
ELEIÇÕES

Fila quilométrica é formada no TRE no último dia para regularizar título de eleitor

Quem deseja retirar o primeiro título, transferir local de votação, fazer novo documento ou solicitar atendimento especial deve procurar o órgão até as 17h de hoje 09/05/2018 às 11:35 - Atualizado em 09/05/2018 às 11:44
Show 8524dfc4 ade4 47f1 ae3d 47d8fc5f45f6
Foto: Raine Luiz
Amanda Guimarães Manaus (AM)

Uma fila quilométrica foi registrada na manhã desta quarta-feira (9) nos arredores da sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), na avenida André Araújo, na Zona Centro-Sul de Manaus, no último dia do prazo para regularização do título de eleitor. Quem deseja retirar o primeiro título, transferir cidade ou local de votação, fazer novo documento ou solicitar atendimento especial deve procurar o órgão até as 17h de hoje.

Debaixo de um sol intenso e segurando uma sombrinha, a estudante Noele Cruz, de 18 anos, afirmou que deixou para fazer o procedimento na última hora porque não conseguiu fazer o agendamento da primeira via do título pelo site. “Estou aqui desde 4h da manhã, perdendo aula. Tentei fazer o agendamento pela internet para fazer o título, mas sempre aparecia sem serviço. Isso é uma falta de respeito com a gente. Estamos aqui nesse calor e essa fila não anda”, disse.

A estudante Paola Tavares de Souza, 18, que foi a sede do TRE acompanhada do pai, também reclamou da demora no antedizendo. “Tenho um bebê recém-nascido em casa e preciso ir embora. Cheguei aqui 4h também. Até agora não deram nenhuma informação. Estamos neste calor e ninguém passa nenhuma informação”, afirmou.

O motorista José Dozinete Mendes, 43, relatou que foi atendido após 4 horas de espera. “Cheguei aqui umas 8h e agora que fomos atendidos. Eu vim para o retorno no cartório e dois colegas vieram resolver as questões dos títulos. O atendimento aqui é muito demorado. É só olhar para a fila, e ver que não estou mentindo”, completou.

Procedimento

O cidadão deve ir ao cartório eleitoral de posse do título de eleitor caso o possua, além de um comprovante de residência e um documento oficial de identificação pessoal que tenha, no mínimo, nome, filiação, data de nascimento e nacionalidade. No caso dos homens, também é necessário levar o comprovante de quitação militar.

Outras solicitações

Também termina na próxima quarta-feira (16) o prazo para que o eleitor que tem 15 anos, mas vai completar 16 anos até a data da eleição e pretende votar, requerer o título. O mesmo dia também é o prazo final para que pessoas com deficiência que necessitam de atendimento especial informem sua situação à Justiça Eleitoral para que sejam remanejadas para uma seção adaptada.

A participação nas eleições é facultativa apenas para analfabetos, pessoas com idade entre 16 e 18 anos ou com mais de 70 anos. Para os demais brasileiros, o voto é obrigatório.

Justiça Eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) informou que em 2018, até o momento, 60.777 eleitores regularizaram o título na capital amazonense e 316.591 no interior do Amzonas. A média de atendimentos biométricos foram 732 em Manaus e 2.986 nos municípios do Amazonas.

Publicidade
Publicidade