Publicidade
Manaus
Manaus

Flagra: homens despejam entulho em Área de Proteção Permanente

Segundo a Semmas, ação foi criminosa e será investigada pelo órgão 08/10/2013 às 17:12
Show 1
Grupo teria se aproveitado de uma limpeza que estava sendo feita no local para depositar os resíduos
OSWALDO NETO Manaus (AM)

Um desrespeito às áreas de preservação localizadas em zona urbana de Manaus foi registrada no início da tarde desta terça-feira (8), quando um carro despejou às margens do Passeio do Mindu, no bairro Parque 10, Zona Centro-Sul da cidade, uma quantidade significativa de entulho oriundo de obras.

Nas imagens, flagradas pela equipe de reportagem, notam-se três homens deixando os resíduos na calçada. O material foi transportado em um veículo modelo Chevrolet Montana, cor vermelha, e o carro sai do local em seguida normalmente. Segundo a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), a denúncia será encaminhada aos setores de fiscalização.

“A área é de preservação ambiental, por isso iremos investigar o caso e autuar os suspeitos ou a empresa”, informou o assessor de imprensa do órgão, Júlio Pedrosa.


Ainda segundo a secretaria, o ato foi criminoso, visto que os indivíduos se aproveitaram de uma limpeza que estava sendo feita no local para depositar os escombros. “Os resíduos vegetais mostrados na foto são da Secretaria Municipal de Limpeza e Serviços Públicos (Semulsp), porém estes são enviados para compostagem. Já o entulho foi colocado lá ilegalmente mesmo”, afirma.

Os suspeitos poderão responder pelo crime de depósito de materiais inertes em locais inadequados, previsto no artigo 136 da Lei 605/2001 do Código Municipal do Meio Ambiente, sob a multa que varia entre R$ 744 até R$ 3.720.

Denúncias

De acordo com Júlio Pedrosa, não é possível fazer um levantamento da quantidade de resíduos que são despejados em Áreas de Proteção Permanente (APP).

Isso ocorre porque as fiscalizações acontecem principalmente por meio de denúncias. “As pessoas precisam ligar para denunciar, mas acima de tudo registrar com vídeos e fotos para chegarmos mais facilmente aos responsáveis”.

Caso presencie algum tipo de ocorrência, o número do disk-denúncia é 0800-092-2000.

Publicidade
Publicidade