Terça-feira, 11 de Agosto de 2020
SAÚDE

Fundação de Medicina Tropical realiza agendamento para testes de hepatites virais

Ação faz parte da campanha Julho Amarelo, referente ao mês dedicado às medidas de prevenção contra as hepatites virais no estado do Amazonas



fmt_F3B85C68-78E5-4AA9-9C84-0DD360E98231.jpg Foto: Divulgação/FMT-HVD
14/07/2020 às 17:05

A Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) realiza nesta quinta-feira (16) a abertura da campanha “Julho Amarelo”, referente ao mês dedicado às medidas de prevenção contra as hepatites virais no estado do Amazonas, com o agendamento de testagem para a detecção da doença. Somente na FMT-HVD, no ano de 2019, foram 718 casos confirmados de hepatites virais.

Diferente dos outros anos, quando a testagem era por livre demanda, neste ano ela será feita pelo telefone, por meio do número (92) 2127-3559, nesta quinta (16) e no dia 30 de julho. O objetivo do novo formato é evitar aglomerações, e os usuários deverão usar máscaras e respeitar o distanciamento social.



As testagens nesta quinta-feira vão ocorrer das 13h às 17h, no auditório do Ambulatório da FMT-HVD. Em razão da pandemia do novo coronavírus, neste ano as ações serão menores e com protocolos de segurança diferenciados, para garantir a segurança da população durante as testagens.

De acordo com o gerente de IST/Aids da FMT-HVD, Reinan Brotas, a população deve se preocupar com a doença. “As hepatites virais são doenças sérias que podem ficar silenciosas. A pessoa não vai apresentar nenhum sinal ou sintoma por muito tempo, e o diagnóstico vai facilitar o conhecimento sorológico”, disse.

Além dos dias de testagens, as gerências de Ambulatório e Dermatologia estão realizando palestras diárias sobre o tema. Durante a campanha, a FMT-HVD vai disponibilizar os testes rápidos para hepatite B e C, preservativos masculinos e folders informativos sobre as doenças.

A campanha é uma oportunidade para estudantes universitários da área de saúde colocarem em prática os conhecimentos acadêmicos. Eles serão treinados para realização dos testes, proporcionando experiência, conhecimento técnico e vivência para estes futuros profissionais.

Transmissão

As hepatites B, C e D podem ser transmitidas por meio da relação sexual sem proteção, transfusão de sangue e derivados contaminados, compartilhamento de material para uso de drogas (seringas, agulhas e cachimbos), materiais cortantes e perfurantes como alicates de unha, lâminas de barbear e de depilar, escovas de dentes, e também da mãe para o filho, durante a gestação.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.